Pequenos detalhes

Fátima Lima libera pagamento de salários para hoje, quinta, 31, e dispensa 180 CCs

Duas notícias sobre Barra Mansa. Uma boa, outra nem tanto. A prefeita interina Fátima Lima vai pagar hoje, quinta, 31, último dia do ano, os salários do mês de dezembro. A informação foi repassada ao aQui, com exclusividade, por uma fonte com ligação tanto com Fátima Lima quanto com Rodrigo Drable, que tomará posse na manhã de amanhã, sexta, dia 1 de janeiro, em cerimônia marcada para às 9 horas na Câmara de Vereadores, sem a presença de público.
A fonte foi além. Fez questão de comparar a situação dos servidores das duas maiores cidades da região. “Barra Mansa, ao longo dos últimos quatro anos, honrou os funcionários públicos como nunca antes. Volta Redonda, entretanto, está deixando as pessoas passar fome”, disse, para logo completar: “O Neto (prefeito eleito) vai resolver isso”, disse, garantindo ainda que o futuro chefe do Executivo da cidade do aço irá solucionar a falta de pagamento do 13 salário. “Barra Mansa pagou todo o 13”, completou.
Quanto a notícia que não é tão boa para boa parte dos funcionários da prefeitura de Barra Mansa é que a prefeita interina Fátima Lima está por assinar um decreto determinando a exoneração total dos cargos comissionados do atual governo. “O decreto sai no dia 31 (hoje, grifo nosso) e por ele todo mundo (comissionado) será exonerado, independente do cargo”, anunciou a fonte, garantindo, entretanto, que não vai haver a troca de seis por meia dúzia.
“Não haverá dança das cadeiras, mas não tem ninguém garantido”, ponderou. “Todos serão avaliados por produtividade, compromisso e retidão”, acrescentou, revelando que a medida vai atingir 180 ocupantes de cargos comissionados. “Volta Redonda tem quase 3 mil, e Resende cerca de 1.600”, comparou.
A fonte, que pede que seu nome não seja revelado, diz que, em função da exoneração, os CCs não receberão seus salários hoje, quinta 31. “Eles vão receber os salários com as respectivas verbas indenizatórias no dia 15 de janeiro”, informou. “É só esperar mais um pouquinho, mas eles podem ter certeza que o pagamento sairá”, disse.O aQui procurou Rodrigo Drable que ao saber do tema não quis se pronunciar. Pediu que a reportagem procurasse a assessoria de imprensa, pois se tratava de uma decisão tomada por Fátima Lima.

 

Deixe um comentário