Lazer

Um dos momentos mais aguardados do ano chegou para os fãs do Bella da Semana. A maior revista masculina do país acaba de lançar a primeira parte do ensaio Especial de Fim de Ano com a musa Paula Fernandes. Confira as fotos inéditas no site www.belladasemana.com.br.
Preparada para o final de ano, Paula diz que o réveillon será ao lado das pessoas que ama, com direito a muita comida e bebida. “Não tem nada melhor do que as risadas e os reencontros”, destaca a musa, que costuma passar a virada de ano na praia, sem esquecer de pular as ondinhas para renovar o ano.
Apaixonada por champanhe, a modelo fala sobre lingerie para virar o ano. “Dizem que o vermelho traz amor, mas branco traz renovação e depois desse 2020, precisamos”, pontuou. Perguntada sobre o que pediria para o Papai Noel caso ele pudesse atender três pedidos, a modelo não escondeu os presentes que gostaria de ganhar. “Muito dinheiro, felicidade e sempre, novas chances”.
Paula ainda aproveitou para deixar um recado especial para os assinantes do Bella da Semana. “Eu desejo a todos um maravilhoso fim de ano, que após a contagem regressiva para 00h00 todos tenham a chance de recomeçar e correr atrás dos seus sonhos nesse ano de 2021”.
Confira as fotos no site www.belladasemana.com.br

Depois de um ano de disputa, a gaúcha Mi Vargas conquistou na noite de domingo, 29, o título de Musa do Brasileirão 2020. Ela tem 35 anos, é casada e mãe de três filhos. Além de modelo, atua como influenciadora digital e trabalha com personalização de cuias para chimarrão. “Estou muito orgulhosa em mostrar que não existe momento certo para realizar nossos sonhos. Tinha tudo para não estar aqui, pois sou mãe, esposa, empresária e ouvi muitas críticas, pessoas dizendo que não tinha idade mais para isso. Aqui está a resposta!”, disse a campeã logo após o desfile. “O ‘Musa do Brasileirão’ valoriza a diversidade da mulher brasileira e isso me motivou a participar e quebrar paradigmas sociais, principalmente de que uma mulher experiente não tem potencial para chegar onde deseja”, completou.
Em segundo lugar ficou a representante do Bahia, Jacky Corrêa. Já a musa do São Paulo, Talita Graziela, conquistou o terceiro lugar. Além do pódio, as finalistas elegeram entre elas próprias a atriz Lolla Martinelli, do Santos, como a Musa Simpatia; Liz Milet, do Botafogo, como Musa Revelação; e Amanda Vaccari, do Atlético-MG, como Musa Destaque.

Ao contrário do que muitos pensam, Sheyla Mel, a Miss Bumbum México, não é mexicana. É cearense e vive há quase 15 anos em São Paulo. Revoltada com o que aconteceu no Amapá, onde o povo ficou quase um mês sem luz, a loira vestiu um “uniforme” da seleção brasileira e atacou a classe política. “Querem bumbum? Está aí, bumbum pra vocês, senhores políticos, governantes desgovernados! O nosso país não é só cerveja, futebol, churrasco, caipirinha e mulher gostosa, não. O que as pessoas estão enfrentando no Amapá, eu senti na pele quando criança, no interior do Ceará. As dificuldades que o Nordeste e Norte do Brasil enfrentam vão muito além do que o resto do país tem conhecimento. Se for investigar bem, mesmo sendo noticiado que o apagão no Amapá acabou, com certeza as cidades do interior, as mais pobres, permanecem sem energia. É um descaso total. É revoltante”, criticou a musa.

A modelo e influenciadora digital Janne Ferreira foi convidada para participar do projeto ‘Nu e Arte’, do fotógrafo Rafael Antônio. Coberta apenas por adesivos dourados, que contrastavam com o sol, a ruiva atraiu os olhares dos curiosos durante as fotos, já que teve que ficar nua para colocar os apetrechos no corpo. Durante os cliques, revelou ser muito bem-resolvida com seu corpo. “Nunca fui daquelas mulheres que sabem que são bonitas, mas são inseguras com a opinião dos outros. Sempre gostei do que vejo no espelho e não me importo com o que falam ou pensam sobre mim. Vi tanta gente reclamando que engordou, emagreceu, durante a quarentena, mas comigo aconteceu foi o contrário. Estou mais gostosa agora do que antes”, revelou a modelo e influenciadora.

Na segunda, 30, Lexa e PK estiveram em mais um set para a gravação do clipe intitulado “Suavidade”. As filmagens, que aconteceram em um galpão no Rio de Janeiro, contaram com a produção executiva de Darlin Ferrattry, mãe e empresária da cantora. “Estamos gravando conteúdos maravilhosos. ‘Suavidade’ terá um lançamento especial com o Spotify. Feliz demais com esse trap funk com o PK!”, disse a cantora.

Musa do Amazonas, Léia Lee relembrou o ensaio nu que fez para a revista Spicy Fire em 2019, e falou sobre o assédio quando a revista foi lançada. Ainda hoje, um ano depois, a loira se diz constrangida com as mensagens que recebe em suas redes sociais tanto de homens quanto de mulheres. “Infelizmente as pessoas não respeitam uma mulher que é convidada para posar nua e aceita a proposta. Eu não matei, não roubei, não usei o corpo de ninguém. A imagem é minha, bem como a vida, e eu tenho o direito de fazer com ela o que eu quiser, e as pessoas precisam respeitar isso. O fato de fazer um trabalho nu não quer dizer que estou disponível para sexo. Recebo mensagens tão constrangedoras que tenho até medo de abrir quando tem alguém perto de mim. E, acreditem ou não, tem mulher que é tão ou mais machista que o homem. É feio uma mulher agredir a outra! É feio um homem não respeitar a escolha de uma mulher bem-resolvida, que está apenas fazendo o seu trabalho”, revela.

Paula Lima, musa do Corinthians em 2018 e da escola de samba Acadêmicos do Tucuruvi’ em 2020, está usando o Instagram para ganhar dinheiro com fotos e vídeos nua. E isso está dando o que falar. “Algumas pessoas me reconhecem nos lugares e já me olham torto”, conta a gata, que não gosta de revelar quanto ganha com os vídeos e fotos.

Deixe um comentário