Grampos

Exclusivo (I) – Caiu como uma bomba a notícia exclusiva que o aQui divulgou na sua página do Facebook na noite de segunda, 14, dando conta que o prefeito Samuca Silva está prestes a se filiar ao PSDB, legenda que hoje é comandada nacionalmente pelo governador João Dória, de São Paulo. A filiação, inclusive, segundo fontes, já tem data marcada para se concretizar. Será no dia 13 de fevereiro, em evento marcado para a capital paulista.  

 

Exclusivo (II) – Samuca, que nas eleições de 2016 estava filiado ao PV, derrotou Baltazar pelo placar de 89.055 a 74.049 votos. Logo depois, o prefeito eleito deixou o PV para se filiar ao Podemos, legenda onde ficou até outubro do ano passado, quando brigou com o senador Romário, que se lançou candidato a governador do estado. Na época, Samuca apoiou o candidato do PMDB, Eduardo Paes, derrotado com facilidade pelo atual governador Wilson Witzel (PSC).

 

Exclusivo (III) – Desde que deixou o Podemos, Samuca vinha sendo assediado por políticos de diferentes legendas. Preferiu se abrigar em ninho tucano e o acordo, conforme fonte do aQui, foi fechado com políticos ligados a João Dória durante recente encontro no Rio de Janeiro. Um dos emissários seria um conhecido político de Barra Mansa, que há anos trabalha em São Paulo e é muito ligado a Bruno Covas e Geraldo Alckmin.

 

Exclusivo (IV) – Também estiveram presentes políticos como Otávio Leite, deputado federal que assumiu a pasta de secretário estadual de Turismo do governo Wilson Witzel; Luiz Paulo, deputado estadual; e ainda o presidente estadual do diretório do PSDB no Rio de Janeiro, o professor Eduardo Sol. Todos combinaram de manter segredo do acordo feito com Samuca.

 

Exclusivo (V) – Procurado pelo aQui, Samuca não quis confirmar a ida para o ninho tucano. Mas também não a negou. Também não quis avaliar a situação do diretório do PSDB na cidade do aço, que sempre esteve nas mãos de velhas raposas da política local, como os ex-vereadores Pedro Magalhães (já falecido) e William de Freitas. Atualmente, o PSDB não tem nenhuma ave no Parlamento de Volta Redonda. Mas terá um cacique no Executivo, disposto a atrair várias aves para o seu ninho com vistas às eleições de 2020.

gra

Loterj (I)– Thiago Martins, que se destacou em Volta Redonda no comando da poderosa Associação dos Aposentados (AAP-VR), vai assumir na segunda, 21, o cargo de diretor administrativo e financeiro da Loterj. A notícia foi dada pelo aQui (pelo Facebook) na tarde de terça, 15, e confirmada pelo próprio depois de ver que sua nomeação já tinha sido publicada no Diário Oficial do Estado.

 

Loterj (II) – O convite a Thiago foi feito por Lucas Tristão, secretário estadual de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda. A posse está marcada para segunda, 21, e deverá contar com a presença do governador Wilson Witzel. Os dois, antes e durante a campanha eleitoral, sempre caminharam juntos. Como presidente do diretório municipal do PSC, Thiago foi responsável por coordenar a campanha de Witzel pelo Sul Fluminense. 

 

Exclusivo (III) – Nas redes sociais, a notícia do aQui sobre a ida de Thiago para a Loterj caiu bem e o voltarredondense, assim como o governador, recebeu vários elogios.  

 

Férias – Há quem garanta que o prefeito Samuca Silva “não sabe andar de bicicleta”. Se for verdade, deveria aproveitar o recesso da Câmara de Volta Redonda para apreender a andar de magrela. Afinal, entre seus projetos para 2019, destaque para o que prevê criar algumas ciclovias.

 

Ciclovia – Na quarta, 16, uma equipe da secretaria Executiva da prefeitura de Niterói esteve no Palácio 17 de Julho para apresentar o ‘Projeto Niterói de Bicicleta’. Passa por utilizar ‘bicicletas compartilhadas’. O sistema promove um compartilhamento público através de estações em que as pessoas podem guardar suas bicicletas. Ele serve para complementar o transporte público de massa e é composto por bicicletários e estações, interligadas ou não por ciclovias.

 

Light (I) – Na terça, 15, a empresa de energia elétrica pisou na bola com a população de Volta Redonda. Começou com quem mora ou trabalha na área do Aterrado, onde a luz foi cortada – sem aviso, sem dó nem piedade – por volta das 10 horas, depois de duas quedas seguidas de energia. Quem reclamava era informado que a luz deveria voltar às 20 horas. Até o Palácio 17 de Julho ficou às escuras. 

 

Light (II) – Para piorar, a energia também foi cortada por volta das 17 horas atingindo a ETA Belmonte, o que levou a direção do Saae-VR a alertar a população de Volta Redonda, Barra do Piraí e Barra Mansa que o abastecimento de água no dia seguinte, quarta, 16, seria complicado. E foi.

 

Light (III) – A queda de energia, que atingiu a ETA Belmonte, pegou a autarquia desprevenida. “Não fomos avisados pela empresa de energia elétrica de que isso ( o corte) ocorreria”, reclamou José Geraldo, o Zeca, presidente do Saae, referindo-se à Light. “Sem energia, o sistema da ETA não pode funcionar e, mesmo quando a energia for religada, o sistema deverá demorar a voltar ao normal. Não podemos ligar tudo ao mesmo tempo”, justificou Zeca, pedindo aos moradores da Califórnia (Barra do Piraí), Região Leste (Barra Mansa) e Volta Redonda que evitassem o desperdício e economizassem água. 

 

Light (IV) – Zeca garantiu ao aQui que tentou fazer contato com a Light, tanto em Volta Redonda quanto no Rio de Janeiro, tendo sido solenemente ignorado.  “Até agora (por volta das 19 horas quando falou com o aQui) não fomos informados quando a energia será restabelecida”, protestou.

 

Light (VI) – À 1h52min de quarta, 16, o presidente do Saae-VR avisou pelas redes sociais que o problema já estava sendo superado. Pelo órgão, não pela Light, é claro.  “Informo que a ETA Belmonte ficou com sua operação paralisada por 3h40min por conta da interrupção do fornecimento de energia! O Saae-Vr realizou todos os procedimentos necessários para o restabelecimento (do fornecimento de água) que ocorreu por volta das 20h45min. Informamos ainda que trabalhamos entre 20h45min e 1 hora com 75% da nossa capacidade apenas. Somente à uma da madrugada é que voltamos com as quatro bombas ou seja 100% da capacidade de distribuição, isso porque havia ainda algumas bombas em locais distintos da cidade que ainda estavam sem condições de entrar em operação por problemas também de energia (Vila Americana e Santa Luzia na Água limpa). A normalidade no abastecimento se dará de forma gradual ao longo do dia (de quarta, 16)”, postou. Deve ser difícil lidar com a Light, não é mesmo? E ninguém faz nada…

 

São Pedro (I) – Como não há nada tão ruim que não possa piorar, Zeca teve mais problemas tanto na quarta, 16, quanto na quinta, 17, por conta da falta de energia na ETA do Belmonte, motivada pelo temporal que caiu sobre Volta Redonda. Os estragos foram grandes, a Light deveria estar preparada para tudo e mostrou que não estava. “Por conta do forte temporal, algumas bombas ficaram desligadas, sendo religadas ao longo da noite à medida que o fornecimento de energia ia sendo restabelecido”, postou o diretor-presidente do Saae-VR.

 

São Pedro (II) – Segundo Zeca, a bomba da Vila Americana, responsável pelo abastecimento do Santo Agostinho, Caviana e Nova Primavera, só voltou a funcionar depois da meia noite de quarta, 16. “Única bomba ainda desligada é a do Laranjal, que também abastece Monte Castelo, Colina, Sessenta, Siderópolis, Casa de Pedra e, principalmente, o Hospital São João Batista, disse.  “O Hospital continuará sendo abastecido por caminhões pipa”, garantiu Zeca.

 

Faetec – A Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) está oferecendo mais uma oportunidade para quem quiser fazer os cursos gratuitos de Qualificação Profissional oferecidos pela entidade. Ao todo, existem cerca de 20 mil vagas em 100 opções de formação. As inscrições devem ser feitas em www.faetec.rj.gov.br, até o próximo dia 24. Os cursos desta primeira rodada terão duração de 10 e 20 semanas, exceto o de NR-10 – Segurança em Instalações e Serviços com Eletricidade –, que terá a duração de um mês. “Faremos com que a iniciativa privada possa participar através de convênios do grande desenvolvimento que nós do governo Witzel vamos fazer no estado do Rio. Com muito trabalho, empenho e parceria, conseguiremos levar o melhor ensino para a população fluminense”, destacou o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Leonardo Rodrigues.

 

Complô – Com o objetivo de atazanar a vida do prefeito Samuca Silva, um grupo de oposição está sendo montado, principalmente, na Câmara de Volta Redonda. Quem estaria por trás do grupo, na articulação e influenciando outros parlamentares, seria Washington Granato (PTC). A nau da oposição tem um destino: 2020.

 

Candidato (I) – Quem também está buscando caminhos para sair candidato a prefeito em 2020 é o vereador Jari (PSB), afilhado político do ex-vice-prefeito Paiva, e que tem ligações com a Igreja Católica. Após não se eleger deputado estadual, Jari estaria conversando com o PT para que a legenda forme com o PSB uma aliança de esquerda.

 

Candidato (II) – Por falar em candidato, Granato (PTC) também estaria buscando caminhos para viabilizar uma candidatura ao Palácio 17 de Julho. Outro sonho de Granato seria se filiar ao PSL de Bolsonaro.

 

Aliança (I) – 2020, aliás, já mexe com os brios de muitos políticos, novos e velhos, não necessariamente nessa ordem. O ex-deputado Nelson Gonçal-ves (PSD), por exemplo, anda trocando vários dedos de prosa com o ex-prefeito Neto sobre as eleições. Vale lembrar que Nelson, até alguns dias, estava prestes a assumir a gestão do Hospital do Idoso, a convite de Samuca.

 

Aliança (II) – A proximidade de Neto e Nelsinho não estaria sendo bem digerida pelo vereador Neném, que está decidido a ser um político independente já a partir de 2019.  

 

Bola fora – O vereador Paulinho do Raio-X (MDB) continua, do jeito que pode, atacando o governo Samuca. Na quarta, 9, Paulinho postou no Facebook que vários funcionários da Saúde não teriam recebido seus salários. Em tom de crítica, falou até que os servidores estariam com aluguéis atrasados. Esqueceu de explicar – ou não quis – que o erro foi da Caixa Econômica Federal, ao processar o pagamento dos funcionários. O pagamento caiu no mesmo dia da crítica e Paulinho não fez qualquer comentário.

 

Post – Por falar no post de Paulinho, o parlamentar recebeu diversas críticas de internautas que não seriam seus aliados. Resultado: deletou os comentários negativos. O vereador, como o aQui mostrou, só se tornou crítico de Samuca após ser expulso da base aliada do prefeito.

 

Posição – Diferente de Paulinho, o vereador Sidney Dinho esteve no Palácio 17 de Julho para saber o motivo do atraso de um dia no pagamento do salário de alguns servidores. Encontrou-se com Samuca e ouviu as justificativas de que o problema ocorreu por culpa da Caixa Econômica. Ao invés de fazer alarde, Dinho preferiu explicar aos internautas o motivo do atraso e garantiu que o problema seria resolvido. Fez bem.

 

Carinho – Os moradores da Rua da Torre, no Santa Cruz II, ganharam uma praça de lazer, que foi construída onde antes era um depósito de lixo. Os moradores, é claro, adoraram e promoveram um café da manhã para agradecer ao prefeito Samuca Silva.

 

Na piscina (I) – Quem curte uma boa piscina, e com o calor que está fazendo, não deve perder a chance de participar, a partir deste sábado, 19, do Projeto Verão do Parque Aquático de Ilha São João, que passa a oferecer, gratuitamente, atividades recreativas aquáticas para os fins de semana de janeiro e fevereiro. Serão oferecidas atividades como hidro summer (aula musical com ritmos diversos), revezamentos com brincadeiras nos ambientes molhado e seco, jogos coletivos, intelectuais e brincadeiras de resgate folclórico. O Projeto Verão acontecerá em dois horários: das 10 às 12 horas e das 14 às 16 horas. As atividades serão adaptadas ao público que estiver presente.

Na piscina (II) – Os interessados em participar do Projeto Verão devem procurar a sede do parque, com a carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e realizar o exame de saúde que acontece às terças (8 às 13 horas) e quintas (14 às 16 horas). Os exames também podem ser realizados em qualquer Unidade da Atenção Básica de Saúde do município.

 

Siderlândia – A secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana de Volta Redonda está promovendo a revitalização da sinalização das ruas no Siderlândia, com a inversão do estacionamento da avenida principal do bairro.

“Não haverá mudanças em nenhum sentido de rua ou do trânsito. A única alteração prevista é a inversão do estacionamento só da avenida principal e dos entroncamentos do bairro, além de acertar os cruzamentos”, disse o titular da pasta, Maurício Batista. 

 

Blocos – Desde ontem, sexta, 18, a prefeitura de Volta Redonda começou a coibir os famosos Isoporzinhos, blocos de Carnaval irregulares que infernizam a vida de moradores de diversos bairros da cidade do aço. Uma força tarefa, composta por integrantes da Guarda Municipal, Conselho Tutelar e Polícia Militar, vão atuar de forma preventiva para proibir que os blocos saiam às ruas. Amanhã, por exemplo, a força tarefa terá que atuar muito para impedir o ensaio de um bloco na Vila Rica, marcado para começar às 16 horas, na Praça do Rodo. Detalhe: sem hora para terminar… 

Artesanato – Os artesãos de Volta Redonda, cadastrados no Programa do Artesanato Municipal (PAM), ganharam um espaço no Shopping Park Sul para expor e vender seus trabalhos durante a Semana do Artesanato, que acontece de 19 a 24 de Janeiro, das 10 às 20 horas.  Tem mais. A feira pode passar a ser mensal.

 

Detran – A partir de segunda, 21, o Detran RJ terá novo horário de atendimento: de segunda a sexta, das 8 às 17 horas. Hoje sábado, 19, os postos de vistoria, por exemplo, já não vão funcionar. As exceções são os postos localizados em shopping centers, onde o funcionamento será de acordo com o centro comercial.

 

Drones – A secretaria de Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros do Estado do Rio vão comprar novos equipamentos para operações de busca e salvamento. Serão adquiridos drones com câmeras térmicas e de alta resolução, helicóptero e novas viaturas. A secretaria receberá quatro drones e 247 veículos, incluindo picapes, caminhão-tanque para o abastecimento de aeronaves, reboques mecânicos, motos e quadriciclos. Também estão sendo compradas quatro embarcações.

 

Papelaria – Na tarde de terça, 15, o prefeito Samuca Silva recebeu a visita dos empresários de uma rede de papelaria que será inaugurada, na segunda, 21, dentro do Park Sul. “Fomos a cidade que mais gerou emprego no Rio de Janeiro no ano passado e estamos trabalhando para manter esses números positivos. Além disso, crescemos com um número muito bom de turistas visitando nossa cidade e região, rica em diversidades”, comentou o prefeito. 

 

Papelaria – Diretores da empresa, Roberto Santos e Sebastião de Castro disseram ao prefeito que a loja vai oferecer muitas novidades, principalmente no ramo de artesanato, visto que são promovidos cursos e workshops para esse segmento.

 

Procon – O prefeito Samuca Silva esteve com o coordenador do Procon-VR, Alexandre Masse de Deus, e o assessor jurídico da entidade, Dario Aragão Neto, para discutir a reestruturação do órgão. Falaram também sobre firmar um convênio com a Fundação Procon-RJ para ampliar as atividades do Procon de Volta Redonda. Dario Aragão defendeu ainda a implantação de um conselho com representantes do Poder Público, como a Vigilância Sanitária, e membros de entidades como a OAB, Aciap etc. “A criação do conselho dá respaldo e credibilidade às ações do órgão”, crê.

 

Procon (II) – A ideia do Conselho pode ser boa, mas levar empresários para o grupo pode não ser. Afinal, o Procon existe justamente para defender os consumidores dos abusos que sofrem nas mãos dos empresários, nem todos, é claro. 

 

Viagem (I) – Acompanhado de membros da Comissão de Seguridade Social e Família, da equipe da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e da Sociedade Brasileira de Ozonoterapia, o deputado federal Alexandre Serfiotis está em Portugal, onde a comitiva deverá visitar alguns hospitais públicos em Lisboa que prestam atendimento a pacientes com prescrição de ozonoterapia. Sua assessoria diz que a viagem é oficial. Ainda bem, né?

 

Viagem (II) – Já o deputado federal eleito Antônio Furtado escapou de uma boa ao não fazer parte de um grupo de parlamentares do seu partido, o PSL, que viajou para a China. O grupo está apanhando por tudo que é rede social. O ainda delegado, que não faz parte da bancada da bala, preferiu ficar em terra a correr riscos em território chinês.

Deixe uma resposta