Curtas 1341

Na terça, 2, a vice-prefeita de Barra Mansa, Fátima Lima, esteve presente no primeiro evento comemorativo ao mês da mulher, realizado pela Câmara da cidade, quando se debateu o empoderamento feminino, a sua força política, e a valorização dos direitos conquistados. O evento aconteceu no Salão Branco do prédio do Legislativo, e contou com a presença das vereadoras Rayane Braga, Luciana Alves, Cristina Magno e Fernanda Carreiro. Estiveram presentes também a vice-presidente da OAB Barra Mansa, Dra. Juliana Fernandes Gonçalves, a presidente da OAB Mulher, Dra. Cleicione Nascimento, a coordenadora do Cemae, Sônia Coutinho, e convidadas de diversas representações da sociedade.

“É sempre válida a reunião de mulheres e no mês de março ela se torna mais importante, porque é quando nos lembramos de toda a nossa luta por meio de pessoas que vieram antes de nós. Alguém começou a luta, alguém está na luta e nós queremos deixar o legado às outras mulheres”, pontuou a professora Fátima Lima.

No encontro, o destaque foi a notícia da possível instalação de uma Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher – Deam em Barra Mansa. A vereadora Rayane Braga, realizadora do evento, revelou satisfação em debater e agir para assegurar os direitos da mulher. “Estou muito feliz e honrada por reunir essas mulheres fortes e empoderadas da nossa cidade, representantes da política municipal e sociedade civil. Nós, do Legislativo, apoiamos e incentivamos a vinda da Deam, acreditamos que o atendimento especializado será um ganho para população feminina”, justifica.

 

A passarela de pedestres do Viaduto Nossa Senhora das Graças, que liga a Avenida Amaral Peixoto ao Aterrado, será transformada em uma galeria de artes a céu aberto, embora seja coberta em toda a sua extensão. O projeto faz parte do Programa Cultural Urbano, da secretaria de Cultura. De acordo com o titular da pasta, Anderson de Souza, o objetivo é aproximar a população da arte.

“A intenção é retirar a exclusividade da arte apenas para locais fechados e levá-la para perto da população. Cerca de 50 mil pessoas passam mensalmente por aquela passarela. Depois de realizadas as obras de fechamento dos lados, a pessoa vai sair da Avenida Amaral Peixoto e cair dentro de uma galeria de artes”, disse Anderson, que é artista visual, e que já ganhou aval do prefeito Neto para a instalação das obras de arte.

Segundo Anderson, além da galeria de artes, o projeto prevê a construção de um palco para apresentações de sarau de poesia, música e teatro. O local escolhido será o banheiro público existente e desativado ao lado da passarela de pedestres, que foi construído pelo ex-prefeito Wanildo de Carvalho.

Ainda não há definição de quantos painéis fixos serão instalados na futura galeria. Um edital de Chamamento Público convocará artistas interessados em expor as suas obras no espaço.

Enquanto a passarela não é adaptada, a prefeitura de Volta Redonda vai utilizando o Espaço das Artes Zélia Arbex, na Vi-la, que desde quarta, 3, está promovendo a exposição “Técnicas”, do artista plástico Antônio Geraldo. A mostra fica disponível ao público até o dia 30. Detalhe: como o espaço está fechado devido à pandemia do novo coronavírus, as obras poderão ser vistas através dos vidros da galeria.

Outra novidade é que a exposição funcionará de forma  híbrida; além da galeria, as obras e vídeos do artista poderão ser  conferidos pelo portal: cultura.voltaredonda.rj.gov.br/leialdirblanc.

Deixe uma resposta