Samuca elege quase a metade dos vereadores

Se o prefeito Samuca Silva (PSC) contasse com os votos obtidos pelos candidatos da coligação que criou – Trabalho e Coragem (PSC/PL/PP/DC) -, seu desempenho nas urnas poderia ter sido melhor. Os vereadores eleitos tiveram um total de 16.319 votos, 2.430 a mais que os 13.889 votos obtidos por ele, que ficou em terceiro lugar na disputa, atrás até do ex-prefeito Baltazar (PSD) com seus 18.961 votos. A bancada pró-Samuca elegeu 9 dos 21 vereadores, compondo quase a metade da nova Câmara de Volta Redonda, que toma posse em 1o de janeiro.

O fato, de certa forma, confirma a teoria do “voto-camarão” em Volta Redonda, onde os candidatos a vereador escondem o nome dos cabeças de chapa, evitando pedir votos para eles. Tudo bem que a diferença de mais de 2,4 mil votos recebidas pelos vereadores de Samuca não o elegeria, mas o faria chegar a 21.467 votos, tomando o segundo lugar de Baltazar. Isso sem contar os candidatos eleitos por outras legendas e que são próximos a ao atual prefeito, como é o caso de Luciano Mineirinho, que obteve 2.554 na legenda de Baltazar.
Com a maior bancada da Casa, mas sem cargo, não se sabe como será o futuro político de Samuca. A possibilidade maior é que ele tenha pouca influência no Legislativo, até porque o “voto camarão” mostra que o poder do atual prefeito já não é muito, mesmo comandando o Palácio 17 de Julho. Já o prefeito eleito, Antônio Francisco Neto, terá que usar toda a sua experiência política para se relacionar com um Legislativo onde teoricamente só tem um vereador fiel a ele, o reeleito Nilton Alves de Faria, o Neném (DEM). Além de Neném, a coligação de Neto – Vontade Popular 2020 (DEM, PMB, PTB) – elegeu ainda Paulinho AP (DEM), Temponi (PTB) e Cacau da Padaria (PMB), todos estreantes na Câmara. No total, a turma pró-Neto só obteve 5.148 votos.

Samuca – PSC/PL/PP/DC
PSC: Fábio Buchecha – 2.503;
Rodrigo Furtado – 1.904;
Lela – 1.860; Vair Duré – 1.693
PL: Edson Quinto – 1.895;
Rodrigo Nós do Povo – 1.551
PP: Novaes – 1.682;
Hálison Vitorino – 1.283
DC: Conrado – 1.948
Total de votos – 16.319

Baltazar – PSD
PSD: Luciano Mineirinho – 2.554
Betinho Albertassi – 1.725
Total de votos – 4.279

Neto – DEM/PMB/PTB
DEM: Neném – 1.842;
Paulinho AP – 753
PTB: Temponi – 1.561
PMB: Cacau da Padaria – 992
Total de votos – 5.148 votos

Os “independentes”
Patriota:
Sidney Dinho – 1.779

Solidariedade:
Renan Cury – 3.124
PSB: Jari – 3.109

Republicanos:
Pastor Washington – 1.533
PT: Walmir Vitor – 1.220
PSDB: Jorginho Fuede – 1.089

 

Deixe uma resposta