quarta-feira, julho 17, 2024
CasaGERALParceria de sangue

Parceria de sangue

Hemonúcleo de Volta Redonda recebe reforço com doação de colaboradores da Fundação Sérgio Loureiro

Sérginho Loureiro encabeça campanha para aumentar estoque de sangue do Hemonúcleo

O Hemonúcleo de Volta Redonda, anexo ao Hospital São João Batista, recebeu na quarta, 19, um reforço no estoque de sangue, através da campanha ‘O Amor corre pelas veias. Doe sangue’, realizada pela Fundação Sérgio Loureiro (FSL), com o apoio da Transporte Excelsior e do Centro Universitário de Volta Redonda (UniFOA). A parceria visa incentivar os doadores de todos os tipos sanguíneos para abastecer a unidade, que está com baixo estoque, e os funcionários da Excelsior se uniram para fazer parte da iniciativa, que pode salvar vidas.
O médico hematologista Luiz Gonzaga Lula de Oliveira Lima, responsável pelo Hemonúcleo de Volta Redonda, lembra que as doações vêm caindo muito nas últimas semanas. “Doar sangue é um ato de solidariedade que salva vidas, e a doação de uma única pessoa pode salvar até quatro vidas. O sangue é essencial para o tratamento de diversos pacientes que dependem desse gesto de solidariedade. A doação é a única esperança para muitos que precisam de transfusões regulares. Por isso, é crucial que mais pessoas se conscientizem e participem desse ato altruísta”, ressaltou.
“É uma alegria fazer parte do time de doadores que se comprometeu com esta causa. Muitos procedimentos cirúrgicos dependem de sangue para serem realizados, inclusive cirurgias relacionadas a crianças que estão na Neonatal. O sangue de um doador pode salvar até quatro vidas, e é essa a motivação de estarmos aqui hoje,” afirma Serginho Loureiro, gerente executivo da FSL.
Para doar sangue, é necessário ter entre 16 e 69 anos, estar bem de saúde e pesar mais de 50 quilos, estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas), não estar em jejum e nem ter ingerido alimentos gordurosos e bebida alcoólica no dia anterior à doação.
No dia da doação, o voluntário deve apresentar na unidade um documento de identidade com foto. Para ser doador, é preciso ainda manter um estilo de vida saudável, não ter comportamento de risco e respeitar o intervalo mínimo entre as doações, que é de 60 dias para homens e 90 dias para mulheres. O Hemonúcleo de Volta Redonda funciona de segunda a sexta, das 7 às 13 horas.

ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp