Cultura pela Vida

Artistas incentivam uso de máscara no combate à Covid-19

secretaria de Cultura de Volta Redonda começou o ano com o pé direito ao lançar a ação “Cultura pela Vida” de incentivo às medidas de prevenção à Covid-19. Como o foco é estimular o uso de máscara, apontado como uma das maneiras mais eficazes de impedir a disseminação do vírus, a pasta convidou alguns artistas para posar para fotos usando máscaras. Elas ficarão expostas até o dia 27 de fevereiro, no Espaço das Artes Zélia Arbex.
Outra novidade é que, devido à pandemia, o público não poderá entrar no local da exposição, mas poderá ver as imagens através dos vidros da galeria, já que as telas estão voltadas para a rua. Uma forma criativa de viabilizar a arte em tempos de pandemia por uma causa nobre.
O secretário de Cultura, Anderson de Souza, destacou que o fotógrafo André Sodré e todos os artistas envolvidos na ação não cobraram cachê, e ressaltou que as ações de conscientização e prevenção da doença são deveres de toda a sociedade.
“Tivemos a ideia desta ação cultural, porque acreditamos que o trabalho de prevenção e proteção ao vírus não é apenas uma obrigação da Secretaria de Saúde e sim de toda a sociedade. Precisamos criar uma cultura pela vida! Para esta ação, utilizamos artistas, que são formadores de opinião, para conscientizar a população DE que é possível viver e se proteger ao mesmo tempo, que é possível sorrir e se prevenir. Todos os envolvidos não cobraram pelos serviços e nem cachê. É a união de todos. A cultura sorri para a vida”, destacou Anderson.
O secretário explicou que escolheu o Espaço das Artes Zélia Arbex devido a sua arquitetura de vidro, possibilitando enxergar o que está sendo exposto também do lado de fora da galeria. “O local é bem simbólico neste momento da pandemia, já que ficou praticamente fechado durante todo o ano passado, mas que por ser a única galeria de vidro do sul do Estado, nos dá a possibilidade de realizar exposições viradas para a rua. Ou seja, com criatividade podemos utilizar este equipamento cultural com total segurança, sem que precisemos entrar no seu interior e colocar as pessoas em risco”, comentou.
Serviço
Ação: “Cultura pela Vida”
Fotografias: André Sodré
Participantes: Clarete, Joca, Paloma Salume, Mestríssimo Pedro D’Agua Limpa, Luciene Martes, Antônio Geraldo, Magela, Daiane Landin, Rafael Mendes, Hayala Garcia, Stael de Oliveira, Tilinha e Jorge Guilherme.
Local: Espaço das Artes Zélia Arbex, localizado na Vila Santa Cecília
Data: até 27 de fevereiro

Deixe uma resposta