Grampos

Insegurança (I) – Preocupado com a (in) segurança da população, o vereador Betinho Albertassi enviou requerimento ao secretário de Estado de Governo, André Lazaroni, pedindo a implantação da ‘Operação Segurança Presente’ em Volta Redonda. Seria a primeira em todo o Sul Fluminense. “É uma medida importante para a redução da criminalidade a fim de garantir um ambiente mais seguro e acolhedor aos moradores e comerciantes”, justificou, lembrando que o efetivo é formado por policiais militares, agentes civis e assistentes sociais.

Insegurança (II) – Betinho Albertassi também pediu informações da Guarda Municipal a respeito do (não) funcionamento das câmeras de vigilância do Cisp (Centro de Inteligência e Segurança), antigo Ciosp. A parlamentar suspeita que das 100 que existem, a grande maioria não funciona. “O bom funcionamento destas câmeras de monitoramento é importante para o planejamento de ações de segurança pública no município”, justificou. Vale lembrar que como o aQui já noticiou, na Praça da Colina nenhuma câmera funciona. Ou seja, a zona é livre.

Força-tarefa (I) – Bombardeada nas redes sociais por supostamente não combater os excessos dos que não estão nem aí para a Covid-19, a força-tarefa da prefeitura de Volta Redonda autuou um bar na Vila Americana por ocupação indevida da calçada. Outros três bares foram notificados por falta de alvará de funcionamento, sendo que um deles estava com o documento vencido. As ações ocorreram na sexta. É pouco, não é? É.

Força-tarefa (II) – Aliás, de quinta, 27, a domingo, 30, segundo informações da força-tarefa, 53 estabelecimentos foram fiscalizados nos bairros Aterrado, São Luiz, São Cristóvão, Vila Brasília, Belmonte, Vila Santa Cecília, Jardim Amália, Morada da Colina, Vila Americana, Retiro, Jardim Tiradentes, São Geraldo/Colina, Retiro, Três Poços, Volta Grande, Ilha Parque, Vila Mury e Centro. Ainda é pouco, não é? É.

Escolinha (I) – No final do mês passado, em Volta Redonda, aconteceu uma reunião dos 12 profissionais que atuam nos núcleos das escolinhas de futebol do projeto ‘Passaporte Para Vitória’ no Sul Fluminense, sob gestão do Instituto Léo Moura, mais especificamente na cidade do aço, em Piraí e Valença. Trataram das metas e a metodologia do trabalho que serão dotadas durante e após a pandemia da Covid. O projeto já acontece em 17 cidades fluminenses, através de emenda parlamentar disponibilizada pelo deputado federal Luiz Lima.

Escolinha (II) – N segundo semestre serão criados mais 14 núcleos pelo estado, inclusive em mais alguns da região. Luiz Lima foi representado pelo professor Fernando Marlos, especialista em Ciências do Treinamento Desportivo de Alto Nível – pela UFRRJ. “Acreditamos que esporte e educação caminham juntos. Através da inclusão social pelo esporte, crianças e jovens também terão acesso a noções de cidadania, disciplina e convivência em equipe, assim como eu tive durante muitos anos nas piscinas”, afirmou.

Aulas (I) – Pegando carona na live semanal do prefeito Neto nas redes sociais, transmitida na noite de terça, 1, a secretária de Educação de Volta Redonda, Terezinha Gonçalves, a Tetê, acabou confirmando o que os leitores do aQui já sabiam, com exclusividade, desde o dia 8 de maio último: Que as aulas nas 99 escolas da rede municipal deverão ser retomadas em agosto.

Aulas (II) – Para que isso realmente ocorra, Terezinha deu a notícia que os cerca de 2.500 professores da rede aguardavam com ansiedade: no dia seguinte, quarta, 2, todos poderiam ser vacinados contra a Covid-19.

Aulas (III) – Como ainda faltam praticamente dois meses, Tetê justificou a demora alegando que muitas escolas ainda precisam de uma reforma ou de pintura, sem contar que o mato está muito alto em volta das unidades que estão fechadas e abandonadas há muito tempo. Ela tem razão. Desde o ano passado e deste também. “Mesmo com toda dificuldade, nós estamos comprando imobiliário, estamos comprando álcool, máscaras, tudo isso tá sendo providenciado para as escolas, com a coordenação, lógico, do prefeito Neto”, avaliou.
Greve – Os professores da rede municipal de ensino estão sendo chamados a participar de uma assembleia on-line na próxima terça, 8, a partir das 18 horas, para decidir se entram ou não em greve diante do anunciado retorno das aulas presenciais nas escolas de Volta Redonda a partir de agosto.

Vacinas – Quando Tetê deu mole, o prefeito Neto lhe tomou a palavra para voltar a encher a bola da secretária de Saúde, Conceição Souza, por ter tido uma participação muito grande “na vinda dessas 7 mil vacinas”, que seriam usadas na vacinação dos professores das escolas municipais e particulares de Volta Redonda. Aí surge a famosa ‘perguntar não ofende’: O que Conceição fez?

Inauguração – Na live, Neto também deu boas notícias: a principal é vai inaugurar o anexo da FOA que está sendo finalizado como apoio ao Hospital do Retiro. “Na semana que vem vamos estar entregando à população o novo CTI do Hospital lá do Anexo do Hospital do Retiro em parceria com a FOA”.

Aparelhos – Segundo Neto, a inauguração só será possível com a chegada dos novos respiradores doados pela Federação Paulista de Futebol – os primeiros que foram entregues eram usados e, lógico, foram devolvidos.

Vacinação – Outra boa notícia dada por Neto diz respeito a vacinação dos rodoviários de Volta Redonda – motoristas e trocadores das empresas municipais. “Logo em seguida (depois dos professores) nós vamos vacinar os rodoviários”, disse citando vários nomes de político e vereadores que pediam pela classe.

Parabéns – Neto fez questão até de revelar que no sábado, 29, quando comemorou seu aniversário, recebeu mais de 100 mil mensagens de parabéns. “Mais de 100 mil pessoas me mandaram mensagem nesse final de semana, mensagens de carinho. Olha o que eu tô falando, mais de 100 mil pessoas. Nem eu imaginava que nós poderíamos receber tanta mensagem de carinho!”, disse todo orgulhoso.

Será que sai? – Na live, Neto voltou a anunciar que vai finalmente realizar a licitação das quatro mil cirurgias de cataratas que prometeu fazer inicialmente no dia 25 de maio na próxima quinta, 10, às 14h30min. Detalhe: a nota já saiu no aQui da semana passada.

Charge – O autor da charge é o jovem Matheus Nogueira, 26, de Volta Redonda, formado em Artes e aluno do curso de Design da Universidade Federal de Juiz de Fora. Outros trabalhos podem ser vistos no Instagram @matirinhas.

Feriado (I) – Por conta do feriado de quinta, 3, a entrevista do prefeito Neto ao programa Dário de Paula foi uma das mais rápidas dos últimos tempos. E não foi presencial, foi por telefone. Pena que poucas novidades tenham sido anunciadas. Uma delas teve a ver com Paiva, ex-vereador e ex-prefeito, que abandonou a política, fato que era desconhecido por boa parte dos eleitores. O nome de Paiva surgiu quando Neto falava da morte de Murilo Granato, 88, fundador do PTB e ainda do Hospital São João Batista, e de Italo Granato, também falecido recentemente.

Feriado (II) – “Foi o Paiva quem me apresentou a ele (Italo), para fazer parte da nossa equipe como diretor do Saae. Depois, ele foi comigo para o Detran. O Paiva sempre foi uma referência de político correto”, comentou Neto. “Quando ele (Paiva) deixa a política, a gente lamenta muito, porque ele sempre foi uma referência. O Paiva e o Chiquinho Perota são exemplos de pessoas sérias, corretas, e não deveriam nunca sair da política, porque são uma referência para muita gente”, pontuou, referindo-se a Perota, político tradicional de Piraí. “Chiquinho também tá afastado e eu acho que eles precisam ser incentivados a voltar (para a política) porque são pessoas de bem”, justificou.

13º– Com relação ao 13o dos servidores de Volta Redonda, Neto deixou claro que a gratificação está no forno. “Na semana que vem a nossa intenção é pagar o 13o ao restante do funcionalismo”, prometeu.

Vacina (I) – Neto aproveitou para revelar que na quarta, 2, véspera do feriado, as equipes de vacinação da prefeitura de Volta Redonda teriam vacinado 5.328 pessoas. “Contando com as pessoas que foram nos postos se vacinar”, acrescentou, sem revelar exatamente quantas teriam sido vacinadas no drive-thru da Ilha São João.

Vacina (II) – Os profissionais de Educação que ainda não se vacinaram deverão procurar as Unidades de Saúde (UBS e UBSF), a partir de segunda, 7.

Covid – Os números da Covid em maio foram terríveis. As mortes, por exemplo, chegaram a 151, o que corresponde a um média de 4,87 óbitos por dia.

Hospital – Como não passa um dia sem falar no seu vice-prefeito, o prefeito Neto avisou a todos que o engenheiro Sebastião Faria, nomeado como diretor-geral do Hospital São João Batista, vai assumir o posto na próxima segunda, 7. “Provavelmente na segunda-feira que vem (dia 7), nosso amigo engenheiro Faria, o melhor vice-prefeito do mundo, assume novamente o Hospital São João Batista!”, disse. “A intervenção caiu e vamos ter a felicidade de, a partir da segunda-feira que vem, ter novamente o Faria à frente do Hospital”, acrescentou, revelando que a intervenção judicial decretada na administração do hospital no final do governo Samuca teria acabado.

Mistério – Neto só não quis revelar quem vai assumir o cargo de diretor administrativo da unidade. “Isso o Faria tá guardando a sete chaves. Não quer falar para ninguém e é uma situação que ele está definindo”, explicou o prefeito. Vale lembrar que o cargo foi ocupado por 10 dias pelo vereador Halison Vitorino, que deixou a Câmara para que o seu suplente, Guilherme Sipe, virasse vereador. E deu no que deu. Vitorino voltou correndo para o Parlamento e Sipe quer a sua cadeira, pois em 10 dias tomou gosto da cadeira.

Luz – Na sexta, 11, às 9 horas, a prefeitura de Volta Redonda vai promover uma licitação para a compra de luminárias de Led. Pelo visto, as que estavam no estoque já foram usadas, né?

Dindim – Licitação boa mesmo para o Palácio 17 de Julho é que a será realizada no dia 29 de junho, às 9 horas. Da venda da administração da folha de pagamento. O banco que levar a melhor terá que pagar uma grana preta aos cofres do Palácio 17 de Julho para cuidar dos pagamentos mensais dos servidores públicos municipais.

Aeroclube – A prefeitura de Volta Redonda vai reformar o Complexo Esportivo do Aeroclube. Será em parceria com o governo do Estado, que está desesperado para mostrar serviço às vésperas das eleições de 2022. Bem faz Neto em aproveitar o momento…

Licença (I) – Mais um detalhe do afã do governo do Estado em iniciar obras por Volta Redonda, como a de ‘requalificação de Infraestrutura do sistema de Transporte Público Coletivo Urbano’, à Rua 33, na Vila. A licença ambiental para a prefeitura tocar a obra vai até o dia 21 de abril de 2024.

Licença (II) – A licença das obras de asfaltamento das ruas 21 e 26, na Vila, e na Avenida Getúlio Vargas, no Centro, vale até 17 de maio de 2024. Que as duas e tantas outras que forem iniciadas sejam concluídas antes das eleições de 2024, não é mesmo?

Limpeza (I) – A Prefeitura de Volta Redonda homologou o resultado do Pregão Eletrônico 003/2021, que contratou a nova empresa para serviço de limpeza nas unidades de educação da cidade. O contrato, por um ano de serviço, é de R$ 3,7 milhões. A empresa vencedora foi a TR2 Prestadora de Serviços – LTDA, de Angra dos Reis.
Limpeza (II) – Por falar em serviços de limpeza, a prefeitura de Volta Redonda criou uma comissão de sindicância para apurar irregularidades contidas no contrato nº 280/2016, firmado com a Empresa PIONEIRA SANEAMENTO E LIMPEZA URBANA LTDA, referente ao Processo Administrativo nº 7461/2014. A comissão nomeada terá o prazo de 90 (noventa) dias a contar de 12 de maio para apresentar seu relatório.

Presença – A secretaria de Saúde de Volta Redonda realizou na sexta, 28, a prestação de contas do primeiro quadrimestre de 2021. O evento aconteceu na Câmara, e o detalhe é que apenas quatro vereadores estiveram presentes: Halison Vitorino, Vander Temponi, Paulo Conrado e Jari. Os demais, bom, era sexta-feira, né?

Aprovado – A Câmara de Volta Redonda aprovou na terça, 1º, duas contas do atual prefeito Neto, referentes aos exercícios financeiros de 2015 e 2016. Detalhe: elas tinham parecer contrário do Tribunal de Contas do Estado. O presidente da Casa, Neném – fiel escudeiro de Neto –, trabalhou ao lado do vereador Sidney Dinho pela aprovação das contas. Conseguiram 18 votos favoráveis a Neto e só um contra: de Walmir Vitor. Edson Quinto e Conrado não foram à sessão.

Contas – Agora, a Câmara deverá julgar as contas do ex-prefeito Samuca, referentes a 2017, 2018 e 2019, sendo que apenas a primeira foi aprovada pelo TCE. Na bolsa das apostas, as três serão reprovadas e Samuca ficará inelegível como Neto ficou.

Campo – O ex-deputado Deley de Oliveira está dando um brilho nas suas chuteiras, que estavam sem uso. Entra em campo assim que Neto lhe der o ‘start’ necessário para sua pré-campanha à Câmara Federal.

Mudança – No Palácio 17 de Julho é dada como certa a filiação de Neto – hoje no Dem – ao PL, novo partido do governador Cláudio Castro.

IPTU (I) – O Palácio 17 de Julho espera convencer a direção da CSN a pagar o IPTU de 2006, ainda em aberto e cuja cobrança foi judicializada na época. Detalhe: em 2016, a Justiça decidiu pela inconstitucionalidade do Decreto 10802/2005, que majorou o IPTU da CSN, e em virtude disso a prefeitura decidiu corrigir, sem multa e juros, os valores até 2021 pela Ufivre. Em cima do valor corrigido está oferecendo um desconto da ordem de 10% para que a siderúrgica zere a dívida até o dia 30 de junho.

IPTU (II) – A soma dos valores corrigidos e agora cobrados – referente a cinco inscrições imobiliárias – chega a R$ 36 milhões arredondados. Se quiser pagar, a CSN terá R$ 3,6 milhões de descontos.

IPTU (III) – Uma fonte do meio, entretanto, entende que nem oferecendo 10% de desconto, o imposto de 2006 será pago. Quem aposta no contrário?

Deixe uma resposta