quarta-feira, julho 17, 2024
CasaGERALBailarina Samira Marana vai se apresentar em Resende

Bailarina Samira Marana vai se apresentar em Resende

No domingo, 9 de junho, a bailarina Samira Marana vai apresentar o espetáculo de dança ‘Esgotamento Contínuo’, às 18 horas, no Espaço Z, em Resende. Criado e dirigido por Samira, o espetáculo é o primeiro solo brasileiro de gumboot dance, no qual a rica pluralidade cultural e as influências entre África do Sul e Brasil se conectam de forma sócio-política, abordando tanto questões históricas quanto contemporâneas do mundo do trabalho.

Samira tem formação em dança pela UNICAMP, é certificada pelo método Bertazzo de Reeducação do Movimento e tem vasta experiência em dança contemporânea. No entanto, sua principal pesquisa é com a dança sul africana Gumboot, linguagem predominante do espetáculo Esgotamento Contínuo.

Gumboot Dance (dança com ou das botas de borracha) é uma técnica de dança sul africana que tem origem na atividade mineradora na África do Sul pós colonial e pré Apartheid. A dança é o resultado do desenvolvimento de um código de comunicação que os mineradores, oriundos de diferentes regiões e que, portanto, não falavam o mesmo idioma, criaram para facilitar o dia-a-dia do trabalho no interior das jazidas de ouro. A dança se caracteriza por movimentos que utilizam batidas das palmas, pisadas e percussão nas botas, produzindo uma musicalidade própria em uma forma de dança autônoma e independente de outros tipos de música ou instrumentos musicais.

O trabalho solo foi concebido em Volta Redonda durante o isolamento social em 2021. Samira, artista paulistana, motivada pela história da cidade em torno da usina siderúrgica, criou o espetáculo cujo título foi inspirado em uma das etapas da produção do aço, o lingotamento contínuo. A trilha sonora foi criada em parceria com o músico e produtor volta-redondense, Guto Souza.

Após a execução do projeto, Samira viaja em julho para a África do Sul para um intercâmbio de três meses em que promoverá uma formação em dança gumboot, a criação de um espetáculo em colaboração com artistas locais e assinará a direção artística do espetáculo. O intercâmbio é realizado por meio do edital Bolsa Funarte de Mobilidade Artística 2023 e está sendo realizado em parceria com David Mahlaba, diretor da produtora cultural Phinda Mzala Entertainment Projects sediada na cidade de Vosloorus.

Ficha técnica
Sonorização: Guto Souza / @gutosoulza
Iluminação: Mezenga / @mezengailuminador
Intérprete de Libras: Andrea Oliveira Almeida / @andrea_libras_oliveira
Comunicação: Luísa Ritter / Estufa / @alua_ritter / @a_estufaa
Identidade Visual: Beatriz Lemes / @beatrixlemes Estufa
Redação: Luísa Rodrigues / @eu.luisarodrigues Estufa
Produção: Guto Souza e Luísa Ritter
Produção local RJ: Larissa Lepretier / @lalaleduarte

ARTIGOS RELACIONADOS

De 19 a 28 de julho

Mais uma

Com QR Code

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp