Tiro certo

Domingo, 1, quando a última luz do Parque da Cidade foi apagada, o prefeito Rodrigo Drable e o secretário de Desenvolvimento, Agnaldo Raymundo, devem ter dado aquela respirada de alívio e satisfação. E  pensado com seus botões: ‘Missão cumprida’. Se foi assim que eles encerraram a 21ª Flumisul – Feira de Negócios do Sul Fluminense –, realizada em Barra Mansa, eles estão certos. De acordo com dados oficiais, os negócios futuros, e ainda as vendas provenientes das áreas de gastronomia, moda outlet e demais segmentos, atingiram o patamar de R$ 40 milhões nos quatro dias do evento.

 

De acordo com Agnaldo Raymundo, a Flumisul, que reuniu cerca de 300 expositores, surpreendeu a todos, pois a crise econômica que atinge o Brasil também impacta a economia local. “A feira nos surpreendeu pelo volume de negócios, superando as nossas projeções. No último dia, muitos expositores nos procuraram visando confirmar a participação na Flumisul de 2020, que já começará a ser preparada a partir de 1º de outubro”, avaliou, ressaltando que a intenção é buscar para a 22ª Flumisul uma maior representação das empresas das áreas de tecnologia e transporte de cargas, que hoje, no município, são os maiores geradores de empregos.

 

Agnaldo destacou ainda a presença dos expositores da moda outlet. “Quando as grandes indústrias deixaram de participar da Flumisul, ganhamos a rede de gastronomia. Os resultados não param de crescer, apontando inclusive, para a possibilidade de um festival em dezembro deste ano”, anunciou.

Deixe uma resposta