Vilã ou aliada

shiela_cor

A presença de aparelhos eletrônicos como tablets e celulares na vida das crianças é impossível de ser ignorada, e já se tornou constante. A psicopedagoga Sheila Leal, que também é fonoaudióloga, especialista em desenvolvimento infantil e porta-voz do Projeto Filhos Brilhantes, explica que estes aparelhos conectados à internet podem ser verdadeiros vilões ou grandes aliados da educação dos pequenos. “Tudo depende de como os pais se posicionam e das regras colocadas na casa”, conta a especialista, que elenca algumas dicas importantes para os pais.

 

1- Aceitar a internet como parte da nossa vida

Sheila conta que o primeiro passo a ser tomado é compreender que a internet e os celulares, tablets e vídeo games são parte do dia a dia e nos ajudam em muitas coisas. “Tentar proibir crianças de jogarem ou impedi-los de terem acesso à internet pode gerar problemas e defasagem na escola, onde eles terão acesso a tudo isso”, explica, reforçando a importância de valorizar as vantagens da conexão.

 

2- Limitar o uso para crianças de até 5 anos

Até os 5 anos, o acesso às telas de celulares deve ser restrito, conforme explica a especialista, que reforça as orientações da Sociedade Brasileira de Pediatria. “O ideal é que as crianças de até 2 anos não sejam expostas a esse tipo de tecnologia e brinquem apenas com os brinquedos ideais para cada etapa da idade”, conta Sheila. Ela também reforça que, entre os 2 e 5 anos, os filhos não devem permanecer mais do que 1 hora por dia diante de celulares e tablets com desenhos e jogos. “E até os 6 anos, é muito importante estar atento ao conteúdo que a criança assiste: cenas violentas com tiros e lutas podem afetar o desenvolvimento da criança”, alerta a especialista.O mais importante é sempre ter um adulto mediando esses momentos. Outro aspecto é necessário: fracionar o uso dos eletrônicos. Exemplo: 30 minutos pela manhã e 30 à tarde; dessa forma diminui a ansiedade da criança.

 

3- Combinar as regras de forma clara

Com crianças a partir dos 4 anos, já é possível combinar regras. “O importante é definir o que pode e o que não pode com relação a horários e conteúdo, e explicar de maneira bem clara sobre o assunto”, explica Sheila, que destaca a importância de estabelecer punições para as regras que forem quebradas. “Essas punições jamais devem ser físicas, mas podem ser a proibição de algum brinquedo que eles gostem, por exemplo”, sugere.

 

4- Dar preferência a sites educativos e valorizar pesquisas

Sheila Leal conta que existem muitos sites educativos e com jogos voltados a desenvolver diversas habilidades nas crianças, como noção de espaço ou coordenação, por exemplo. “Tente explorar ao máximo esses jogos e incentive seus filhos a dividirem o que estão aprendendo ou o desafio que estão enfrentando”, indica.

 

5- Dar o exemplo

Outra dica muito importante é que os pais deem o exemplo em relação ao uso de celular. “Não adianta nada querer que os filhos deixem o telefone de lado se os pais estão o tempo todo olhando as notificações e as redes sociais”, alerta. Sheila explica que é importante ensinar os filhos a deixarem de jogar ou assistir vídeos na hora da refeição, mas que a mesma atitude deve ser tomada pelos próprios pais. “Aproveite para valorizar o momento com a família, sem interrupções”.

Por fim, a psicopedagoga conclui que a presença dos jogos e aparelhos com acesso à internet dificilmente será um problema caso os pais tenham o hábito de fazer brincadeiras off-line com os filhos. “Desde o começo, tente sempre desenhar, brincar com jogos e ler histórias para eles, assim você garante uma diversidade de estímulos importantes para o desenvolvimento dos filhos, e ensina desde o começo que existem várias formas de aprender e se divertir”, conclui.

 

Confira a lista dos apps e games que fazem sucesso

Para os curiosos de plantão, a NZN, um dos principais players em soluções para publicidade e comunicação do mercado, divulga em primeira mão a lista dos apps mais baixados de janeiro. O levantamento foi feito com base nos downloads realizados pelo Baixaki, plataforma da NZN voltada para download de softwares e jogos, entre os dias 01 e 31 de janeiro. E para ajudar os gamers de plantão, a NZN acaba de tirar do forno a lista com os games mais aguardados do mês. Confira!

 

Apps de janeiro

10º lugar: GoArt – Downloads no mês: 461

GoArt é um aplicativo fotográfico para quem deseja adicionar um toque diferente às suas imagens no celular.

 

9º lugar: Toontastic 3D – Downloads no mês: 465

O Toonstatic 3D é um miniestúdio de animação, onde é possível desenhar, narrar e animar as histórias em forma de desenhos.

 

8º lugar: Voice Changer – Downloads no mês: 534

O Voice Changer é um aplicativo que permite a simulação de diferentes vozes, como: robô, criança, alienígena, homem, mulher, entre outros.

 

7º lugar: FastKey Launcher – Downloads no mês: 575

FastKey Launcher é um aplicativo que adiciona no celular um sistema de busca simples, que fica sempre visível na tela principal.

 

6º lugar: Deeper Clean – Downloads no mês: 900

Deeper Clean permite que os smartphones ou tablets se livrem de conteúdos desnecessários, limpando os aparelhos de softwares coadjuvantes.

 

5º lugar: Vine Camera – Downloads no mês: 1017

O Vine Câmera ajuda a criar vídeos no mesmo perfil que acontecia na plataforma Vine, com 6 segundos de duração e recursos de edição diretamente no celular.

 

4º lugar:Vagalume. FM – Downloads do mês: 1120

Com o Vagalume. FM é posível ouvir diversas rádios online gratuitamente.

 

3º lugar: Papersea Live Wallpaper – Downloads do mês: 1241

O aplicativo permite instalar no smartphone um papel de parede animado que simula o ecossistema do fundo do mar.

 

2º lugar: ADW Launcher 2 – Downloads do mês: 1409

O aplicativo ADW Launcher 2 serve para customizar, com segurança e acessibilidade, a inferface do Android.

 

1º lugar: Weather Wiz: Forecast & Widget – Downloads do mês: 2083

Weather Wiz: Fore-cast & Widget é um aplicativo de meteorologia que procura fugir do visual mais tradicional utilizado para esse tipo de ferramenta.

 

Os jogos mais aguardados

 

10º lugar: Berserk and the Band of the Hawk – lançamento em 21 de fevereiro para PS4 e PS Vita

Berserk, a série de mangá e anime, ganhou um jogo que agora chega ao Ocidente. Em Berserk and the Band of the Hawk, o jogador segue toda a história no estilo Dynasty Warriors, sempre enfrentando sozinho um exército com centenas de inimigos.

 

9º lugar: Night in the Woods – lançamento em 21 de fevereiro para PS4 e PC

Para os apaixonados por game de aventura com exploração e desenvolvimento de personagem, fica a dica para o Night in the Woods. O jogo, que bateu recordes no Kickstarter, conta a história do gatinho Mae, que volta para sua cidade natal depois de largar a faculdade, mas percebe como o lugar ficou cheio de mistérios.

 

8º lugar: Poochy & Yoshi’s Woolly World – lançado em 3 de fevereiro para 3DS

Lançado em 2015 para Wii U, o jogo Poochy & Yoshi’s Woolly World chega agora para o Ocidente no Nintendo 3DS. A história conta como os Yoshis são transformados em criaturas de lã perseguidas por Baby Bowser. Porém, alguns escapam, e são eles que partem para o resgate em fases coloridas e cheias de criatividade.

 

7º lugar: Fire Emblem Heroes – lançado em 2 de fevereiro para Android/iOS

A grande aposta da Nintendo no mercado mobile (depois de Super Mario Run) é o jogo Fire Emblem Heroes, que oferece todos os elementos clássicos da franquia: batalhas por turno, estratégias, personagens variados e guerreiros clássicos, como os já confirmados Roy e Marth.

 

6º lugar: Sniper Elite 4 – lançamento em 14 de fevereiro para PS4, Xbox One e PC

Para os fãs de jogos de guerra, o mês de fevereiro reserva o lançamento do Sniper Elite 4, jogo que se passa na Itália de 1943, onde o jogador é um soldado especializado em infiltração na caça aos fascistas. Um dos itens já confirmados é a câmera de raio X, que permitirá mostrar os tiros de um jeito mais estiloso. Além disso, os mapas estão maiores e a inteligência artificial dos soldados foi melhorada.

 

5º lugar: Lego Worlds – lançamento em 24 de fevereiro para PS4, Xbox One e PC

O 5º lugar fica com o Lego Worlds, jogo de sandbox que colocará o jogador no controle total de um universo a partir de um editor de mapas. O game permitirá adicionar ou trocar roupas, construções, terrenos, veículos, entre outros itens. Vale destacar que Lego Words não será lançado com um modo multiplayer (para compartilhar as criações). Mas a desenvolvedora Traveller’s Tales já prometeu trazer essa adição em jogos futuros.

 

4º lugar: Halo Wars 2 – lançamento em 21 de fevereiro para Xbox One e PC

O Top 4 fica com o jogo Halo Wars 2, nova fase de estratégia em tempo real da franquia da Microsoft. Esse game, em específico, é focado na parte militar e se passa depois de Halo 5: Guardians. Agora, o jogador é um comandante que precisa construir bases contra os rivais. Cada pessoa pode escolher duas facções: os humanos da UNSC ou os novos personagens alienígenas, os Banished. As partidas, que são de até 3 contra 3, trazem a novidade Blitz, que permite usar cartas para dar mais dinâmica às partidas.

 

3º lugar: Nioh – lançamento em 7 de fevereiro para PS4

O 3º lugar fica com Nioh, RPG de ação que se passa no Japão Feudal, no século XV. O jogador ganha o papel do samurai William, que tem como missão acabar com os inimigos humanos e os monstros conhecidos como Yokai. Por ser muito dinâmico, o combate exige que o personagem equilibre ataques, esquivas e golpes especiais com vários tipos de armas, assim como em Dark Souls e Bloodborne.

 

2º lugar: For Honor – lançamento em 14 de fevereiro para PS4, Xbox One e PC

Lançamento de fevereiro da Ubisoft, For Honor é literalmente um jogo de pancadaria multiplayer no qual são colocados três grupos de guerreiros – cavaleiros, samurais e vikings – para se confrontarem em diferentes campos de batalha. Além de acelerado, o game exige bastante timing e estratégia, já que o jogador tem controle total das ações de seu personagem e deve prever, em ambientes online, os movimentos dos outros jogadores.

 

1º lugar: Horizon: Zero Dawn – lançamento em 28 de fevereiro para PS4

E o 1º lugar fica com o aguardado Horizon: Zero Dawn, jogo exclusivo da Guerrilla Games para o PlayStation 4. Na história, a protagonista Aloy vive em um mundo pós-apocalíptico onde todos voltam a se organizar em tribos e viver em contato com a natureza. Porém, todos os animais foram substituídos por máquinas selvagens e é necessária muita estratégia para entender como se deve caçar cada uma delas, além de extrair tecnologias que se transformam em armas e equipamentos.

Sobre a NZN

A NZN é hoje uma das principais plataformas para soluções em publicidade e comunicação. Atuando em 5 frentes independentes (NZN Brand Studio, NZN Intelligence, NZN Social, NZN Media e NZN Content), a empresa tem como objetivo se tornar o principal parceiro das agências e marcas, ao entregar serviços exclusivos, e que ajudam no planejamento e execução das campanhas e projetos.

 

Deixe uma resposta