sábado, fevereiro 24, 2024

Pensando alto

Dinho lança candidatura a federal e quer que eleitores escolham candidatos da região

Mateus Gusmão

Representar o Sul Fluminense no Congresso Nacional. Esse é o objetivo do vereador Sidney Dinho (Patriotas), que lançou oficialmente sua pré-candidatura a deputado federal na noite de quarta, 27. Em seu terceiro mandato como parlamentar, e atualmente presidindo a Câmara de Volta Redonda pela segunda vez, Dinho disse, entre outras, em entrevista exclusiva ao aQui, que seu objetivo é que a região possa voltar a ter uma bancada forte em Brasília, visando buscar recursos e firmar parcerias junto ao governo Federal, coisas que andam em falta.
Há quatro anos, nas eleições de 2018, Dinho foi candidato a deputado estadual e obteve mais de 13 mil votos. Agora, sonha mais alto. “A iniciativa de ser pré-candidato a deputado federal surgiu ao analisar o cenário da nossa região em Brasília. Nós temos mais de 1 milhão de eleitores, podemos eleger representantes que possam atuar voltados para as cidades do Sul Fluminense”, disse Dinho, ressaltando que o Patriotas – sua legenda – lhe apresentou um estudo sobre os dados eleitorais dos últimos pleitos.
“Muitos candidatos ‘de fora’ tiveram 500 e até mil votos aqui. Usaram esses votos para completar o pacote e nunca olharam para a região ou enviaram recursos para as prefeituras locais”, criticou Dinho, ressaltando que somente em Volta Redonda são mais de 200 mil eleitores. “Como vereador em terceiro mandato, conheço os problemas de Volta Redonda e de outras cidades da região. E o Sul Fluminense tem vários candidatos que também têm compromisso com nossas cidades. É importante a gente eleger gente daqui”, completou.
Segundo Dinho, é comum que, nesse momento de eleição, políticos de outras localidades apareçam apresentando projetos. “A gente sabe que a maioria desses projetos que estão lançando, a maioria ligado ao governo do Estado, não vai continuar depois de outubro. Toda eleição é do mesmo jeito”, acrescentou o parlamentar, que é policial militar da reserva.
De acordo com Dinho, uma de suas bandeiras – caso seja eleito – será buscar recursos para investimentos em infraestrutura. “Sabemos que em Volta Redonda há vários pontos históricos de alagamento, como na Amaral Peixoto e no Retiro. Em todo período de chuvas acontece a mesma coisa. Precisamos buscar recursos para realizar obras preventivas. Em Barra do Piraí e Barra Mansa recentemente vimos estragos feitos pela chuva. Por isso, espero trabalhar junto aos prefeitos e buscar recursos para investir em prevenção”, completou.
Outra pauta que Dinho pretende trabalhar é criar na cidade do aço uma ‘Casa Multidisciplinar’ para estudantes da rede pública. “O objetivo é que caso um aluno seja identificado com alguma dificuldade de aprendizado, algum tipo de problema, ele seja encaminhado para esse local onde teria psicólogos, psiquiatras, fonoaudiólogos, oftalmologistas, enfim, uma série de ´profissionais para identificar e ajudar a criança”, frisou, ressaltando que essa ideia lhe foi apresentada por um pai de uma criança com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade.
Dinho ainda explicou que, por ser um agente de segurança, também quer atuar na área da segurança pública. “Quero entrar com uma lei para que crimes contra mulheres e crianças tenham um agravamento na pena do criminoso”, destacou o ainda vereador de Volta Redonda, aproveitando novamente para pedir a população do Sul Fluminense que eleja candidatos da região. “Precisamos de pessoas da nossa região, que conheçam nossos problemas, e que nos representem em Brasília”, finalizou.

Artigo anterior
Artigo seguinte
ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp