Na fila

O Procon de Barra Mansa realizou entre os dias 6 e 10, uma fiscalização nas agências bancárias do centro para verificar possíveis irregularidades quanto ao cumprimento da lei municipal 3.108/99, que estabelece um período de espera para o atendimento ao cliente de até 20 minutos em dias normais e 30 minutos em vésperas e após feriados. Os fiscais do órgão estiveram no Santander, Caixa Econômica, Itaú, Bradesco e Banco do Brasil. Detalhe: apenas os bancos oficiais foram autuados, o que mostra que não estão nem aí para as leis municipais.   

O gerente do Procon, Felipe Fonseca, explicou a ação. “Reclamações quanto ao tempo de espera para atendimento nos bancos são recorrentes, daí a necessidade in loco da nossa fiscalização”, disse, lembrando que as agências autuadas têm um prazo de até 10 dias para se defenderem. Caso a justificativa seja considerada insuficiente, o órgão poderá aplicar multa, cujo valor terá como base a situação de reincidência ou não da agência bancária.

O consumidor que tiver alguma denúncia referente aos bancos com filiais em Barra Mansa deve se encaminhar ao órgão, que fica localizado no térreo da prefeitura local. “Além do tempo de espera, os bancos acumulam denúncias relativas a cobrança indevida de cartão de crédito e empréstimos sem a anuência do correntista. Nosso serviço de fiscalização se estende também a estabelecimentos comerciais, entre outros”, concluiu Felipe.

Deixe uma resposta