terça-feira, julho 16, 2024

Grampos

UPA (I)
Oficialmente, a partir deste sábado, 6, o prefeito Neto, pré- candidato à reeleição, não poderá mais participar de inaugurações, entre outras, por conta da lei eleitoral. Isso foi o que levou o deputado estadual Jari Oliveira (PSB) a questionar as obras da UPA
Santo Agostinho, que, em tese, estariam concluídas. Mas sem previsão de inauguração. “Estive mais uma vez na unidade, que passa por reforma em Volta Redonda. A demora na entrega da UPA Santo Agostinho é motivo de preocupação e indignação para a população que depende do serviço. As reclamações dos moradores são recorrentes e vou seguir cobrando a entrega das obras e a retomada do atendimento”, escreveu o parlamentar. “Se não entregaram até hoje, quando vão entregar, se o prefeito não poderá estar presente?”, comentou com o aQui.

UPA(II)
Segundo Jari, as intervenções, sob responsabilidade de empresas contratadas pelo Fundo Municipal de Saúde, contam com investimentos de R$ 2,85 milhões, com verba estadual. “A previsão de término inicial era julho de 2023 e já se passaram doze meses”, comparou. “O atendimento continua sendo realizado em local precário, no prédio da Faetec, prejudicando o serviço prestado à população”, reclamou. “Como parlamentar, é meu dever zelar pelo bom uso do dinheiro público, principalmente no âmbito estadual, e cobrar do responsável pela execução da obra, que é a prefeitura, a entrega do investimento à população”, reforçou.

Evangélicos (I)
Na terça, 2, pelas redes sociais, o prefeito Neto postou uma foto ao lado do bispo Abner Ferreira, da Igreja Assembleia de Deus do Ministério Madureira. “É sempre um prazer estar com esse grande amigo e um exemplo de liderança”, escreveu, completando que tinham conversado “sobre projetos sociais que certamente vão fazer a vida dos nossos cidadãos cada vez melhor”. O evento era político. Foi feito para apresentar os pré-candidatos a prefeito de vários municípios do estado que terão, em tese, apoio da igreja.

Evangélicos (II)
Para Neto, que é pré- candidato à reeleição, o dia foi memorável. “Estar na igreja mãe do Ministério de Madureira e ser presenteado com o livro que conta a história dessa construção foi especial”, definiu, referindo-se a um livro que recebeu de presente das mãos do bispo evangélico, lembrando que em 2024 será comemorado o centenário das Assembleias de Deus no estado do Rio. “Meu agradecimento também ao amigo pastor Rinaldo Dias, que fez esse encontro acontecer” encerrou.

Evangélicos (III)
Neto só não disse que ele e Munir, seu irmão e deputado estadual, estavam acompanhados de Sediene, pré-candidata a prefeita de Pinheiral, que conta com o apoio dos dois e agora dos evangélicos da Assembleia de Deus de Madureira.

Evangélicos (IV)
A postagem de Munir foi bem mais para o lado político do que a de Neto. “Participei de um encontro entre lideranças políticas do Sul Fluminense e os dirigentes da Igreja Assembleia de Deus do Ministério Madureira”, iniciou. “Ajudamos a organizar esta grande reunião, que foi capitaneada pelo pastor Rinaldo Dias e pelo bispo Abner Ferreira, e teve por objetivo a apresentação da grande obra social feita pelo Ministério Madureira em todo o país. Aqueles que esperam um dia governar têm por obrigação conhecer e ajudar neste grande projeto”, escreveu.

Da série ‘perguntar’
Quando Munir disse que “aqueles que esperam um dia governar têm por obrigação conhecer e ajudar o projeto da Igreja”, ele estava se referindo a ele ou ao irmão, que é o pré- candidato a prefeito de Volta Redonda?

Lagoa (I)
Ricardo Ballarini, ex- titular da Coordenadoria de Meio Ambiente do governo Baltazar, ao ler a reportagem de capa da edição passada, sobre a lagoa que aterraram na entrada do Jardim Belvedere, e que alguns ‘entendidos’ dizem nunca ter existido, garante: a lagoa sempre existiu. Ou seja, só mesmo quem quer esconder a verdade ou não entende do assunto é que afirma que a lagoa nunca existiu.

Lagoa (II)
“Eu morei no Belvedere e ela sempre existiu. Quando construíram a rodovia (dos Metalúrgicos), ela virou duas lagoas, com a via passando no meio delas”, detalhou. Ele foi além. “Na época em que eu era o titular da Coordenadoria de Meio Ambiente, nós fomos lá pra fazer uma inspeção. E encontramos uma grande nascente e três menores. Elas que abasteciam a lagoa com água. Está tudo documentado. Peça cópias na Secretaria de Meio Ambiente”, sugeriu. Boa ideia. Aliás, vamos pedir e vamos enviar cópias para aqueles que dizem que a lagoa nunca existiu. Ou que querem que todos pensem assim para não atrapalhar os negócios.

Exemplo
O vídeo postado pelo aQui mostrando o exato momento em que o robô do Hospital FOA era descarregado de um caminhão na entrada da unidade localizada no Jardim Amália foi visto, curtido e compartilhado por centenas de internautas. Um deles, inclusive, fez questão de parabenizar o presidente da FOA, Eduardo Prado. Era o médico Luiz Paulo Tostes Coimbra, ex- presidente da Unimed Volta Redonda. Prado
ficou tão contente, que logo respondeu ao amigo: “Luiz Paulo, obrigado, amigo. Vindo de você, acredito que estamos no caminho correto. Grande abraço”, disse. É isso aí!

Caps
Na quarta, 3, enquanto não entrega a UPA, e aproveitando os últimos dias para promover inaugurações, o prefeito Neto participou da entrega da reforma do Centro de Atenção Psicossocial (Ca ps) Vila Esperança, localizado na Vila. O espaço, que atende usuários de transtorno mental, recebeu um investimento de R$ 95,5 mil, sendo que as obras foram executadas pelo Furban. A unidade ganhou ainda um posto de enfermagem totalmente reformado.

Pinheiral
Boato que circula na cidade dá conta que pelo menos dois dos pré- candidatos a prefeito em Pinheiral estariam pensando seriamente em desistir da empreitada. Motivo: supostamente não estariam decolando nas pesquisas informais de intenção de voto.

Alimentos
Na terça, 2, os alimentos doados durante o 27o Encontro Nacional de Motociclistas e Triciclistas, realizado na Ilha São João, foram entregues a 17 entidades sociais de Volta Redonda. O evento, que contou com o apoio do governo Neto, arrecadou mais de 10,2 toneladas de alimentos não perecíveis, que serão entregues a cerca de duas mil famílias.

Jogo do tigrinho
A divulgação do “jogo do tigrinho” e similares poderá ser proibida no estado do Rio e render multa de até R$ 1 milhão aos influenciadores digitais que insistirem em propagar esses caça-níqueis online. É o que defende o deputado Rosenverg Reis (MDB), através de projeto de lei que será analisado na Alerj, logo após o recesso de julho. “Esses jogos online são uma desgraça, pessoas humildes ficam endividadas ao caírem na falsa ilusão de riqueza. O objetivo do projeto de lei é impedir que influenciadores continuem agindo de má-fé ao estimular um vício que só traz prejuízo para as famílias”, justificou.

Crea
O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado do Rio, engenheiro Miguel Fernández, vai empossar 20 inspetores das regiões Sul Fluminense e Costa Verde, em solenidade a ser realizada na segunda, 8, na Universidade de Barra Mansa. Depois, vai cumprir uma agenda de eventos em Volta Redonda, com o prefeito Neto e com o presidente do UniFOA, Eduardo Prado, entre outros.

Artigo anterior
Artigo seguinte
ARTIGOS RELACIONADOS

Grampos

Grampos

Grampos

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp