quarta-feira, julho 17, 2024

Grampos

Melhorias
O prefeito Neto e o presidente da Câmara, Edson Quinto, visitaram os bairros de Santa Cruz e Santa Rita do Zarur na segunda, 6, para anunciar melhorias. Uma base do SAMU, com duas ambulâncias, será criada na Avenida Nossa Senhora do Amparo, ao lado do Centro Odontológico Concentrado. “Era uma promessa do prefeito que está saindo do papel. O prazo para início das obras é de 30 a 60 dias”, destacou Edson Quinto, que, junto de Neto, também esteve na Rua Lambari, onde será feita a pavimentação da via, uma demanda antiga dos moradores.

Debate (II)
O vereador Neném (PP), por sua vez, aproveitou para fazer uma crítica a esses empreendimentos. “Eu acho engraçado, pois o condomínio tem um preço muito alto. Eu acho que o Poder Público não deve entrar ali, tem que ser quem fez o empreendimento. A prefeitura tem que investir onde precisa, isso sim”, disparou, aproveitando para dar uma indireta a um empresário da cidade – que não foi denominado pelo parlamentar. “Está igual a um outro empresário da cidade que fica falando por aí; além de ter roubado milhões em água da prefeitura, que quer que o Poder Público faça praça, rua, em seus condomínios”, disparou. De quem será que ele estava falando?

Debate (III)
Já o vereador Sidney Dinho (PRD) lembrou que existe um outro problema, mais sério, quando a prefeitura de Volta Redonda faz benefícios em condomínios privados. Entre eles, a questão de que o município tem dificuldade em fazer serviços básicos em condomínios de pessoas de baixa renda, em especial os do ‘Minha Casa, Minha Vida’. “Se for para fazer esse serviço, que seja nesses locais”, destacou.

Debate (IV)
Quem defendeu que a prefeitura possa realizar serviços de manutenção nos acessos aos condomínios privados foi o vereador Raone Ferreira (PSB), amigo de um construtor da cidade do aço. “Muitos desses empreendimentos a empresa já fez a entrega, o empreendimento não é mais da empresa, e sim do cidadão que comprou. A prefeitura continua dizendo que o local é particular. São construções que não têm cancela, são espaços abertos. O município acaba não reconhecendo por questões políticas. A quem o governo serve?”, disse.

Melhorias
Por falar em empreendimento particular, a prefeitura de Volta Redonda divulgou na segunda, 6, que está executando melhorias no acesso a um empreendimento particular: o Vivendas do Lago, que fica logo após o Cemitério Portal da Saúde. Os trabalhos envolvem o sistema de drenagem de água da chuva e contam ainda com a limpeza de todos os bueiros e a construção de uma caixa de ralo que estava danificada, prejudicando o escoamento das águas pluviais. Após a conclusão dessa parte, o solo será preparado para receber o novo asfaltamento.

Assistência
A prefeitura de Volta Redonda inaugurou ontem, sexta, 10, um novo Centro de Referência em Assistência Social, desta vez no Jardim Cidade do Aço. Detalhe: a verba para construção da unidade é antiga, enviada através do ex- deputado federal Zoinho de Oliveira, quando o parlamentar esteve em Brasília, de 2011 a 2014. A informação foi divulgada pelo ex-inimigo de Zoinho, o prefeito Neto. “Quem arrumou essa verba foi o Zoinho, uma verba antiga”, destacou.

Fogos
A Câmara de Volta Redonda poderá proibir a fabricação, comércio, manuseio e utilização de fogos de artifícios com efeitos sonoros na cidade do aço. Na terça, 7, o presidente da Câmara, Edson Quinto (PL) e o vereador Washington Uchôa (MDB) se reuniram com representantes de pessoas com transtorno do espectro autista e da causa animal. Quinto destacou que a minuta do projeto ainda está sendo elaborada e haverá outras reuniões para promover o amplo debate. “Estamos conseguindo progredir muito na construção de um projeto que atenda esse anseio da sociedade. A utilização desses fogos com efeitos sonoros é um sofrimento muito grande para os animais e as pes- soas autistas, além dos idosos. Precisamos rever essa prática com urgência”, disse Edson Quinto.

Da série ‘perguntar não ofende’
A boa intenção dos vereadores de Volta Redonda vai, certamente, esbarrar em um pequeno grande detalhe: na divisa da cidade do aço com Barra Mansa, existe uma grande loja de venda de fogos de artifícios… e dos mais barulhentos. O que eles vão fazer para impedir que os volta- redondenses façam suas compras na cidade vizinha? E pela internet?

Empresas
O número de empresas abertas no estado do Rio de Janeiro em abril foi o melhor já registrado pela Junta Comercial do Estado do Rio em todos os meses de
abril em seus 215 anos de história. Ao todo, foram computados 7.035 novos negócios, um aumento de 29% em relação ao mesmo mês em 2023, quando foram registradas 5.442 empresas. O antigo recorde era de 2022, com 5.590 aberturas.
“A criação de novas empresas significa geração de novos empregos, mais renda para a população fluminense, aumento do consumo, diversificação de oportunidades, maior competitividade e fortalecimento da economia. É o ambiente favorável para negócios que estabelecemos no estado, para incentivar empreende- dores e atrair investidores, e que vem resultando nos números extremamente significativos que temos alcançado a cada mês”, comentou o governador Cláudio Castro.

Mangueira
Moradores dos prédios na Colina, especialmente os da Rua Marcelo Monteiro César, onde existem 18 edifícios residenciais, estão com a pulga atrás da orelha. Desconfiam que uma quadrilha esteja atuando no bairro para roubar os bicos das mangueiras contra incêndios que, por lei, devem existir em todos os andares. O bico, de metal, vale uma pequena fortuna. Em apenas um prédio, os moradores vão gastar cerca de R$ 5 mil para trocar as mangueiras. O detalhe é que pelo menos três BOs já foram registrados na DP de Volta Redonda, e os bandidos continuam agindo. Fica a pergunta: cadê os espiões da Secretaria de Ordem Pública, que não flagram a ação dos meliantes?

Barra Mansa
O vereador Luiz Furlani, pré-candidato a prefeito de Barra Mansa pelo PL, deu uma rasteira política em seu adversário, Marcelo Cabeleireiro, pré-candidato pelo UB. É que o ex-deputado estadual foi às redes sociais para coletar assinaturas para batizar a nova avenida que está saindo do papel com as obras do Pátio de Manobras, com o nome do ex-prefeito Roosevelt Brasil. Furlani foi esperto e apresentou um projeto de lei na Câmara de Barra Mansa com o mesmo propósito. E o PL foi aprovado. Ponto para Furlani.

Partido
O prefeito Neto está animado com a chance de eleger, novamente, um vereador com menos de mil votos. É que a nominata do DC só tem um parlamentar de mandato: Fábio ‘Buchecha’. Os demais 21 candidatos ainda não foram testados nas urnas, mas o prefeito acredita que poderão surpreender positivamente.

Inelegível
Se quiser ser candidato a algum cargo eletivo ainda este ano, o ex-prefeito Samuca Silva (PSDB) terá que recorrer ao plenário do Tribunal Superior Eleitoral. Isso porque, em decisão monocrática, a ministra Carmen Lúcia acatou os argumentos do Ministério Público Eleitoral, o deixando inelegível por oito anos. O motivo seria abuso de poder político. A ministra e o MP entenderam que Samuca teria pressionado cargos comissionados a realizar ‘boca de urna’ no dia das eleições de 2020.

Aposta
A CSN Cimentos Brasil, empresa que adquiriu a Cimento Elizabeth, localizada na Paraíba, deve se tornar o líder do mercado no Brasil em breve. Para isso, negocia a compra da multinacional InterCement. O prazo para término da negociação é o dia 12 de julho. Apesar da intenção da CSN em comprar a InterCement, as negociações precisam ser aprovadas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). O órgão pode exigir medidas para evitar o monopólio no mercado de cimentos. Caso a compra seja confirmada, a cimenteira poderá atingir cerca de 35% do mercado brasileiro, se igualando à Votorantim Cimentos.

Idoso (I)
A prefeitura de Volta Redonda vai abrir na terça, 14, as inscrições para capacitação no curso de cuidador familiar de idosos. Podem se inscrever de forma presencial e gratuitamente pessoas acima de 18 anos, até o dia 16 de maio, das 7 às 12 horas, na sede da secretaria de Saúde, em Niterói.

Idoso (II)
O curso será com a médica de Saúde da Família da Atenção Primária de Volta Redonda, Lena Erickson T. Mazoni, e terá duração de três meses, sendo iniciado em 28 de maio, com previsão de término no dia 22 de agosto. As aulas acontecerão duas vezes por semana, das 13h30min às 16h30min, no prédio da FOA no Aterrado. Ao fim da capacitação, os participantes receberão certificados. Mais informações pelo telefone (24) 3512-8211.

Vivendas do Lago
A prefeitura de Volta Redonda está realizando obras de infraestrutura no trevo de acesso ao loteamento Vivendas do Lago, próximo à rotatória que leva ao Portal da Saudade. Será que a família dona do cemitério vai reclamar das obras?

Vai vendo (I)
As obras envolvem, entre outras coisas, o sistema de drenagem de água da chuva com a limpeza de todos os bueiros e a construção de uma caixa de ralo que estava danificada, prejudicando o escoamento das águas pluviais. Após a conclusão, o solo será preparado para receber um novo asfaltamento. A região do trevo de acesso ao Vivendas e ao cemi- tério já havia recebido melhorias promovidas pela prefeitura, conforme lembra o prefeito Neto.
“Já havíamos asfaltado a rotatória que dá acesso ao condomínio e a Rodovia dos Metalúrgicos, assim como instalamos a nova iluminação de LED na via. Também implantamos o painel ‘Eu Amo Volta Redonda’ na rotatória que fica quase em frente ao condomínio, um cartão-postal para quem chega à cidade. São cerca de 300 obras por toda a cidade para melhorar o dia a dia da população”, acredita.

Vai vendo (II)
Vale lembrar que no governo Samuca, conforme várias publicações feitas pelo aQui, a região foi afetada ambientalmente com o serviço de terraplanagem de um imenso terreno dos proprietários do Portal da Saudade. Até uma das lagoas do Belvedere morreu por conta das obras, que chegaram a ser interditadas por fiscais do Inea. O engraçado é que o instituto até hoje não divulgou o resultado das suas ações. Pior. A segunda lagoa está morrendo. Cadê os ambientalistas e os pré- candidatos a vereador que agora aparecem para ver se ganham uns votinhos?

Compras
A realização, no domingo, 5, de mais uma Rua de Compras em Volta Redonda – projeto do governo Samuca e que no fundo, no fundo, não apresenta grandes resultados financeiros – mostrou que a ideia já não atrai o grande público. Das duas, uma: ou tem que ser reestruturada ou pode ser engavetada.

Secretaria
O engenheiro Jerônimo Telles assumiu oficialmente, na segunda, 6, o cargo de secretário de Obras de Volta Redonda. Já a subsecretaria da pasta será comandada por Oscar Ribeiro Magalhães. Saiu também a nomeação oficial de Poliana Moreira como secretária de Serviços Públicos. Ela terá como sub Andreia Cristina dos Santos, que já era seu braço-direito.

PM
O 28o Batalhão de Polícia Militar tem um novo comandante: o tenente-coronel Moisés Pinheiro Sardenberg, que estava à frente do 2o BPM, em Botafogo, no Rio de Janeiro. A posse ocorreu
na terça, 7. “Não daremos tréguas à criminalidade. Vamos intensificar as ações contra roubos que afligem tanto a população quanto os comerciantes, combater os homicídios na região e aumentar o diálogo com a comunidade”, disse o novo comandante. Que assim seja!

Assessor
Quem está atuando como assessor da prefeitura de Volta Redonda é o ex-vereador Ednilson Vampirinho, que ocupou uma vaga na Câmara enquanto Washington Uchôa esteve no cargo de secretário para Pessoas com Deficiência. Vampirinho, por não ocupar cargo de chefia, poderá ficar no Palácio 17 de Julho até três meses antes da eleição.

Debate (I)
A Câmara de Volta Redonda discutiu na segunda, 6, um tema complexo: de quem seria a responsabilidade de realizar melhorias em condomínios e loteamentos privados. O debate começou quando o vereador Renan Cury (PP) fez um requerimento pedindo à prefeitura de Volta Redonda providências para instalar iluminação pública na entrada do condomínio Reserva do Vale, que fica às margens da Rodovia dos Metalúrgicos, próximo ao polo industrial. Detalhe: o condomínio começa em Volta Redonda, por onde é feito o acesso, e as casas ficam em Pinheiral. “A população ali está sofrendo com insegurança, acionei o Poder Público para que possamos achar uma solução”, disse Renan.

ARTIGOS RELACIONADOS

Grampos

Grampos

Grampos

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp