segunda-feira, junho 27, 2022

Grampos

No páreo – O ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, deve ser anunciado como pré-candidato ao governo do estado pelo União Brasil, legenda que em Volta Redonda conta com figuraças como o ex-prefeito Paulo Baltazar, o ex-prefeito Samuca Silva, o vereador Neném, todos pré-candidatos à Câmara. Será que vão dividir o mesmo palanque quando Garotinho vier pedir votos na cidade do aço?

Rindo – O ex-prefeito e ex-deputado federal Paulo Baltazar está rindo à toa. E tem dois bons motivos para apostar na sua pré-candidatura à Câmara. Quem viver verá!

É ou não é – O comunicador Renan Cury anda meio macambúzio em termos de eleições. Será que vai manter ou não sua pré-candidatura à Alerj?

É – Já o ex-vereador Maurício Batista, ex-secretário de Transportes do governo Samuca, responsável por várias medidas que melhoraram e muito o trânsito da cidade do aço, anda a mil por hora para fortalecer sua pré-candidatura à Alerj.

Mão-inglesa – Curiosidade: o atual secretário de Transportes do governo Neto, o nada popular Paulo Barenco, assim que tomou posse queria acabar com a mão-inglesa adotada por Maurício Batista em alguns pontos da cidade do aço. Foi barrado por Neto. Ainda bem!


Erro – Por falar em Barenco, sua impopularidade vai aumentar: é que ele teria demitido o pobre funcionário da sua pasta que pintou a palavra ônibus de cabeça pra baixo em uma das ruas da região do Belvedere. Motivo: não queria que a foto fosse parar nas redes sociais. Devia se preocupar com coisas mais sérias, né?

Quem avisa, amigo é (I) – A secretaria de Turismo de Paraty divulgando uma programação especial para a cidade com o objetivo de aquecer a economia local, alavancar o setor de turismo, gerar renda, atrair negócios e democratizar a cultura. E anuncia que, de 20 a 22 de maio, está de volta, depois de dois anos de pandemia, o Bourbon Festival Paraty, um dos festivais de música mais importantes do país, que reúne grandes nomes do jazz, blues, R&B e soul do Brasil e do mundo. Serão três dias de programação, com apresentações gratuitas pelo centro histórico e a participação especial do guitarrista John Pizzarelli, com seu swing-jazz de Nova Iorque, e a participação da voz e do violão de João Bosco.

Quem avisa, amigo é (II) – A secretaria de Turismo de Paraty só não alerta aos turistas, especialmente os idosos, que todo mundo tem que pagar para estacionar na cidade. E custa caro. Pior: os agentes da GM local multam quem se ‘atreve’ a deixar o carro com os adesivos de idosos – estacionamento prioritário e gratuito. Para eles, uma lei municipal, aprovada na Câmara de Paraty, é superior à lei federal que prevê gratuidade para idosos e deficientes físicos. Parece abuso de autoridade. E é.

Sangue – Em abril, o Núcleo de Hemoterapia de Volta Redonda conquistou o 1º lugar em coleta de sangue no interior do estado do Rio. E ficou em terceiro lugar entre os 92 municípios fluminenses, perdendo apenas para a capital, que ficou nas duas primeiras posições por sediar os hemonúcleos Hemorio e do Inca (Instituto Nacional de Câncer).

Será que vem? – A exemplo do governador Cláudio Castro, o secretário estadual de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Leandro Sampaio Monteiro, vai receber o título de cidadão volta-redondense, em festa ainda a ser marcada.
Será que já esteve por aqui?

Jovem Aprendiz – O projeto ‘Jovem Aprendiz’, mantido pela prefeitura de Volta Redonda, já conta com 700 cadastrados. E está disposto a aceitar novas inscrições. Os interessados, com idade de 14 a 24 anos, devem procurar o Cras (Centro de Referência Especializado da Assistência Social) mais próximo de sua residência para se inscreverem.

Animais – A Rua de Compras, realizada na véspera do Dia das Mães, pelo menos serviu para que 14 gatos e 7 cães ganhassem novos lares através do evento ‘Família Animal’ – espaço de adoção da coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal, órgão da prefeitura de Volta Redonda.

Hortas (I) – Se depender apenas dos vereadores de Volta Redonda, todas as escolas da rede municipal de ensino terão que ter hortas orgânicas, como prevê a Lei 5.975, promulgada pela Casa. Detalhe: as hortas deverão ser acompanhadas de composteira orgânica para adubação. Será que cola? E será que é constitucional?

Hortas (II) – Pela lei aprovada, a elaboração e a conservação da horta e composteira ficarão a cargo dos professores indicados pela direção de cada unidade escolar, com a supervisão de um engenheiro agrônomo ou técnico agrícola enviado pela prefeitura para fiscalização dos produtos empregados, o plantio e a conservação. Tem mais. Quando houver a colheita dos produtos, estes serão retirados em quantidade adequada para a utilização nas escolas, e os excedentes poderão ser doados ou vendidos por preço de custo em eventos promovidos pela comunidade, tendo uma parte reservada para o replantio e cultivo das hortas.

Evento – A prefeitura de Volta Redonda autorizou a Catedral das Assembleias de Deus a realizar, de 14 a 18 de julho, o 26º Congresso de Missões do Sul Fluminense. Será que foi no amor?

Audiência –A Câmara de Volta Redonda vai realizar uma audiência pública na próxima quinta, 26, às 15 horas, para debater a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2023.

Moto clonada – A Guarda Municipal de Volta Redonda e o 28º Batalhão da Polícia Militar apreenderam, entre os dias 9 e 15, por conta de irregularidades, 26 veículos, sendo 24 motocicletas, um carro e um reboque. Uma das motos era clonada.

Exportação – Estão abertas as inscrições para empresários de Volta Redonda que queiram participar do curso “Exportar e Importar com Conhecimento e Segurança”, marcado para acontecer durante 10 encontros entre os dias 4 de junho e 4 de agosto, todos em formato híbrido (presencial e on-line). A inscrição é gratuita e pode ser feita em https://funcex.org.br/info/ciclo-de-capacitacao-em-comercio-exterior[1].

Reforma – A prefeitura de Volta Redonda vai investir R$ 1,3 milhão nas obras de reforma geral e modernização do ginásio poliesportivo da Ilha São João, que já foram iniciadas. Detalhe: o investimento é fruto de uma emenda parlamentar do ex-deputado e atual assessor da prefeitura Deley de Oliveira. “Sempre trabalhei pela melhoria do esporte em Volta Redonda e, com o apoio do prefeito Neto, estamos conseguindo tirar esse sonho do papel. O ginásio é tradicional no município e ficará moderno e mais acolhedor para a população”, afirmou Deley, que é pré-candidato à Câmara. É bom que volte mesmo, pois a cidade está carente desde que ficou sem representante natural de Volta Redonda. Ou seja, sem filhos da terra em Brasília.

Tomógrafo – A carência é tão grande que um aparelho de ressonância magnética que a prefeitura de Volta Redonda vai, finalmente, adquirir por mais de R$ 6 milhões, nasceu de um pedido do vereador Edson Quinto ao deputado federal Luiz Antônio, que é de Valença. O pedido foi feito em 2020. Pena que o equipamento vá ser instalado no Hospital Regional, que é administrado pelo governo do Estado. Deveria ficar em Volta Redonda.

Aemerj – A Associação Estadual dos Municípios do Rio de Janeiro tem novo presidente: é o prefeito de Miguel Pereira, André Português, eleito por unanimidade na última terça, 17.

Artigo anteriorGrampos Barra Mansa
Artigo seguinteGrampos
ARTIGOS RELACIONADOS

Grampos

Grampos

Grampos

LEIA MAIS

Grampos

Grampos Barra Mansa

Voltou a subir

Vagas abertas

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp