Grampos

1235334_479651002148941_209692727_n_c

Primeira dama – Boatos dão conta que Odiliani Bartolini, mulher de Samuca, não estaria disposta a assumir qualquer cargo no governo do futuro prefeito. Que vai ficar cuidando de causas ligadas à proteção dos animais. Não é fofa?

 

Descanso (I) – O prefeito eleito Samuca Silva (PV) tirou uns dias de – merecidos, é claro – descanso. Mas, por meio de sua assessoria de imprensa, negou o boato de que teria ido para a cidade luz, Paris. Pra Portugal? Também não. Então tá!

 

Descanso (II) – Para onde foi não importa, o que vale é que Samuca estará de volta à cidade do aço já neste final de semana. Para um 0800, ou melhor, para prestigiar uma cerimônia de casamento.   

 

Conhecendo – Enquanto o prefeito eleito descansa, Maycon Abrantes, futuro vice-prefeito e secretário de Ação Comunitária (Smac), foi conhecer de perto a estrutura da pasta. Foi recebido pelo atual secretário, Munir Francisco. “Ontem (segunda, 5) realizei a primeira visita à Smac após o anúncio dos secretariados. Fui recebido pelo atual secretário que me passou um pouco da estrutura, projetos e finanças da secretaria. Solicitamos alguns documentos, contratos e organograma para avaliar e montar nossa proposta de trabalho para o próximo ano. Muito trabalho e desafios vêm pela frente…”, postou Maycon, em sua página do Facebook.

 

Da série… – Por que o site oficial de Samuca, o www.samucasilva.com.br, está fora do ar?

 

Lei – Os vereadores de Volta Redonda aprovaram, em primeira discussão, na segunda, 6, o Projeto de Lei 015/2016, de Simar (PSL), que autoriza a prefeitura local a destinar 20% das vagas em concursos públicos para negros. O projeto é autorizativo, ou seja, o verde Samuca só coloca em prática se quiser.

 

Discussão – Julia Dupret, coordenadora política do PV, é jornalista. E curiosamente ela não está relacionada para atuar na Assessoria de Comunicação do governo Samuca. 

 

Táxi – Desde 1º de dezembro, os taxistas de Volta Redonda estão autorizados – através de decreto assinado pelo prefeito Neto – a utilizar a bandeira 2 durante todo o mês. Essa é uma forma dos taxistas garantirem, digamos, seu 13º salário.

 

Advogando – O escritório de advocacia de Adriana Anselmo, esposa de Sérgio Cabral, presa durante a semana, teria arrecadado R$ 78 milhões em contratos com 40 clientes nos últimos oito anos (2008-2015). Segundo o Globo, entre os clientes da ex-primeira dama estavam a Light, o Metrô, a Unimed.

 

Menos, gente, menos – Na semana passada, alguns sindicalistas e jornalistas da região foram levados a crer que a Volks iria investir R$ 1,5 bilhão na fábrica de caminhões e ônibus da MAN em Resende. Não é bem assim. O investimento será feito em todas as unidades existentes no país. Um bom naco será para a fábrica de Resende, o que nos leva à máxima de que é melhor um pouco do que nada, não é mesmo?

 

Só para relembrar – Conforme o aQui noticiou na segunda, 12, os médicos da Unimed-VR vão participar de uma assembleia para conhecer e votar o resultado da auditoria feita nas contas da Cooperativa. E ainda saber detalhes da compra da valiosa unidade da Rua 33.

 

Leilão – O Saae/VR irá realizar um leilão na próxima quinta, 15, às 13h30min, em sua sede, no Aterrado. Entre os itens, vários veículos, como Fusca, Ford Focus Sedan 2.0, retroescavadeiras, motores, bombas, transformadores, ar condicionado e outros.

 

Salários – A coisa tá tão feia que os deputados fluminenses reduziram em 30% os salários de Pezão & Cia.

 

Aposentadoria – Ao defender a reforma da Previdência, o secretário da pasta, Marcelo Caetano, argumentou que as novas regras valeriam para todos. Não é verdade. Os militares, por exemplo, não serão atingidos. Correspondem a uma exceção. E exceção, até prova em contrário, é exceção, não é mesmo? Se fosse para todos, os militares teriam que ser atingidos. É mole?

 

Isenções – O governador Pezão cedeu às pressões e decidiu que o governo do Estado não dará mais nenhuma isenção fiscal pelos próximos dois anos. A Lei 7.495/2016, já publicada, determina que a partir de março do ano que vem o estado não vai conceder, por dois anos, novos incentivos ou benefícios que resultem em renúncia de receita, novos financiamentos ou investimentos em empresas que queiram se instalar no estado ou que já estejam funcionando.

 

Da série perguntar… – Os investimentos anunciados pela CSN e Volks, para Volta Redonda e Resende, serão atingidos pela nova Lei de Pezão?

 

Vai vendo (I) – Além de Sérgio Boechat, que era fã do ex-prefeito Paulo Baltazar, o prefeito eleito Samuca Silva teria convidado os empresários Rafael Capobiango e Maurinho, ligados à construção civil, para serem seus ‘assessores especiais’. Só não disse se os três receberão salários; quanto receberão por mês; e qual a carga horária que terão que cumprir no Palácio 17 de Julho. Se forem só dar pitacos, sem nada receber em troca, fica outra dúvida: até quando terão trânsito livre no gabinete do prefeito?

 

Vai vendo (II) – E é bom que Samuca se prepare para os próximos quatro anos. É que além do ‘conselhão político formado por Boechat, Maurinho e Rafael, como prefeito ele terá que conviver com um ‘Observatório Social’ que o Movimento Vem pra Rua quer criar em fevereiro do ano que vem. A ideia dos internautas é sair das redes sociais e criar uma organização para “monitorar as compras públicas em nível municipal”. Ou seja, as contas da prefeitura e da Câmara de Volta Redonda. Fica a pergunta: O ‘MVR real’ será concorrente do MEP de Zezinho e do MEP da Burguesia, com todo respeito, é claro?

 

Análise – Para alguns analistas, Samuca ao dar espaço aos ‘três assessores especiais’, estaria dando um tiro no pé… Veja o que disse um deles: “Os assessores vão querer dar pitacos em tudo. Vão querer mandar no governo e nos secretários, já que são especiais”, ironizou. É. Pode ser. Será que vão querer mandar no próprio prefeito?

 

Mais uma – Há quem acredite, entretanto, que os assessores especiais não terão função nenhuma. Segundo eles, serão aspones. Será?

Inferno – A manhã de quarta, 7, foi infernal para quem se dirigia para a Vila Santa Cecília, maior centro comercial de Volta Redonda. É que os bombeiros decidiram, por volta das 10 horas, fazer um treinamento de emergência e, literalmente, pararam tudo. Trânsito e pessoas…  Para piorar, o sol já estava quente, fazendo parecer que todos estavam, literalmente, no inferno.

 

MPE – Durante a semana, a direção do aQui recebeu um pedido de explicações do Ministério Público sobre uma concorrência da Câmara de Volta Redonda, realizada em 2006. Isso mesmo, de dez anos atrás. Na época, o jornal chegou a retirar uma cópia do edital para ver se poderia participar do certame. Não participou. O edital era específico para agências de publicidade, o que não é o caso do jornal aQui.

 

Observatório – A Câmara de Vereadores aprovou na terça, 6, a instalação de um Observatório do Trabalho e Emprego na cidade do aço. De acordo com o autor da proposta, vereador Baltazar, a ideia é criar uma ferramenta para mapear a situação do emprego formal, disponibilizando dados sobre empreendedorismo e formação tecnológica. “Queremos que este observatório trabalhe no sentido de facilitar a conquista de um emprego pelo trabalhador, mas que também auxilie os gestores da formação técnica para que ofertem cursos de profissionalização nas áreas que mais empregam”, justificou Baltazar. 

De graça – O Observatório será formado por representantes dos setores público, produtivo, técnico-acadêmico, sindical e patronal, sob coordenação do representante da academia científica (?). Ah, todos vão trabalhar sem remuneração ou gratificação e terão a função de analisar os dados de empregabilidade do Centro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e os dados da formação tecnológica. “Isso deixa o setor de formação em diálogo com o setor produtivo e vai evitar, por exemplo, que se ofereça curso de padeiro, quando o mercado tem carência de mecânico, ou outra área”, acrescenta Baltazar.  

 

Banheiros – A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara Federal aprovou projeto de lei do atual ministro do Turismo, o deputado licenciado Marx Beltrão (PMDB-AL), que obriga todos os eventos realizados em espaços públicos e privados que utilizem banheiros químicos, como shows, a disporem de unidades adaptadas para pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida.

O PL 2046/15 foi analisado de forma conclusiva, e por isso está aprovado pela Câmara e deve seguir para votação no Senado. Pelo projeto, o número mínimo de banheiros adaptados cor-responderá a 10% do total, garantindo-se a instalação de pelo menos uma unidade adaptada.

 

Inauguração – O prefeito Neto confirma que a inauguração do Hospital Regional (HR) será mesmo no próximo sábado, 17, às 10 horas. E anuncia que o futuro ex-prefeito de Resende, José Rechuan, será o diretor médico da unidade e o engenheiro Sebastião Faria o diretor administrativo. O HR vai oferecer, por enquanto, apenas serviços de imagens.

 

Custos – Para funcionar como hospital de verdade, o HR terá que ser mantido com verbas do governo do Estado e de todos os municípios envolvidos no empreendimento. É aí que mora o perigo, pois a maioria das prefeituras está quebrada e nenhuma delas terá dinheiro para pagar as contas.

 

13 – O prefeito Neto anunciou, durante entrevista ao radialista Dário de Paula, na manhã de quinta, 8, que vai pagar a segunda parcela do 13º na próxima sexta, 16. E que os salários de dezembro serão liberados no dia 29 de dezembro. Depois disso, o abacaxi passa para Samuca.  

 

Contorno – Neto também disse que a inauguração da Rodovia do Contorno, prevista para acontecer hoje, dia 10, ainda depende de alguns detalhes. Mas garantiu que a via será aberta ainda em dezembro e que o trânsito entre a BR 393 e a Via Dutra poderá ser usado pelos veículos assim que a mesma for inaugurada. Ou seja, a Getuúlio Vargas vai ficar livre…

 

Estacionamento – Por falar em BR 393, os motoristas voltaram a deixar seus carros estacionados ao longo da rodovia federal. E nos dois lados da BR, o que é proibido por lei.

 

Férias – Sebastião Faria, que comanda o Serviço Autônomo Hospitalar, ficará no cargo apenas até o próximo dia 19. Motivo: vai curtir umas merecidas férias até 31 de dezembro. No seu lugar ficará Rosa Maria Lages Dias. Ontem, sexta, 9, Faria confirmou que está negociando com o prefeito eleito Fernando Jordão para assumir uma pasta em Angra dos Reis. “Estamos conversando”, limitou-se a dizer.

 

Operação – A Guarda Municipal começou uma operação especial para o final de ano e um dos trailers da corporação está estacionado na Praça Brasil, na Vila. Já o ônibus da GM, com câmeras que filmam em 360º, segue na Avenida Amaral Peixoto. Mais guardas municipais também deverão ser deslocados para os principais centros comerciais da cidade.

 

Exportação – O secretário de Fazenda de Volta Redonda, José Carlos Abreu, está de malas prontas – junto com sua equipe – para Angra dos Reis. Mas se engana quem pensa que é para passar o final de ano. É para ocupar a mesma pasta na administração de Fernando Jordão (PMDB).

 

 

Barra do Piraí – Mário Esteves, prefeito eleito de Barra do Piraí, e seu vice, João Camerano, serão diplomados pela Justiça Eleitoral na segunda, 12. A diplomação acontecerá no cartório da 93ª Zona Eleitoral de Barra do Piraí, juntamente com os 15 vereadores eleitos para a legislativa 2017-2020. Já na quinta, 15, será a vez de Ednardo Barbosa, prefeito eleito de Pinheiral. Ele vai receber o diploma na Câmara de Pinheiral, das mãos da juíza eleitoral Ana Luzia Campos Lopes Soares.

gloria-guimaraes-e-anunciada-como-secretaria-de-educacao-do-governo-mario-esteves

Educação – Por falar em Mário Esteves, o futuro prefeito divulgou na quinta, 8, que a funcionária de carreira Glória Guimarães, a Glorinha, será a secretária de Educação em seu governo. Detalhe: deu a notícia, em primeira mão, em sua página oficial no Facebook e argumentou que a escolha teria sido feita com base na capacidade técnica de Glorinha para chefiar a pasta, além do fato de a profissional ser uma profunda conhecedora da área.

Glorinha (na foto) é bastante conhecida por seu engajamento nas causas que dizem respeito aos direitos dos professores e profissionais da Educação. Foi diretora da Escola Municipal Adma David Chedid e possui uma larga experiência como gestora, contando a seu favor os muitos anos de serviços prestados à educação pública, tanto em sala de aula como em cargos técnicos. Para Mário Esteves, tudo isso pesou na decisão de escolher Glorinha para estar à frente de uma das pastas mais importantes de sua gestão.

“Sabemos dos desafios que teremos pela frente na Educação, mas posso garantir que, com a experiência de Glorinha e a sua total disposição de trabalhar pela cidade, vamos não só superar esses desafios como também avançar em diversos pontos relacionados à qualidade da Educação em Barra do Piraí. Temos um projeto para a cidade, que foi o aprovado pela população nas urnas, portanto, é nosso compromisso nos empenhar dia e noite, sem descanso, para tornar realidade esse projeto, inclusive no que tange à Educação”, destacou.

O prefeito eleito explicou que antecipou a divulgação do nome de Glorinha para tranquilizar a categoria. “Muito tem se especulado entre os profissionais da área sobre quem seria o responsável pela pasta no nosso governo. Então, resolvi revelar quem será a nossa secretária para serenar os ânimos e dizer aos professores que fiquem tranquilos. Glorinha é uma profissional extremamente capacitada e profunda conhecedora da realidade da Educação local. É mais um nome que chega para somar com o futuro melhor que vamos construir juntos para as nossas crianças”, frisou.

 

Pinheiral – Ednardo Barbosa, prefeito eleito de Pinheiral, se reuniu com a direção da MRS Logística para discutir projetos para a segurança de pedestres e motoristas do município para 2017. A princípio, a MRS apresentou projetos que já desenvolve nas áreas de educação e cultura para crianças das escolas públicas e ainda na área de transporte e educação para o trânsito.

 

TCE – O Tribunal de Contas do Estado do Rio aprovou, na quinta, 8, a prestação de contas de governo da prefeitura de Pinheiral referente ao exercício de 2015. A decisão do colegiado da Corte de Contas seguiu o voto do relator do processo, conselheiro Marco Antônio Barbosa de Alencar, que emitiu parecer prévio favorável às contas do prefeito José Arimathéia Oliveira. A previsão inicial da prefeitura era de arrecadar R$ 67.266.940,22 em 2015, porém o recolhimento efetivo somou R$ 68.645.066,32. No entanto, a despesa realizada no período foi de R$ 69.276.449,98, o que provocou um déficit na execução orçamentária na ordem de R$ 631.383,66. A decisão do TCE-RJ seguirá agora para apreciação dos vereadores do município, que farão o julgamento final.

 

Leilão – A Justiça do Trabalho de Volta Redonda, em conjunto com o leiloeiro oficial Fábio M. Guimarães, realiza leilão no dia 14 de dezembro de 2016, a partir das 9h30min, na Justiça do Trabalho. No evento, serão leiloados imóveis urbanos, localizados em Volta Redonda e Barra Mansa, veículos e outros bens. Interessados podem obter informações mais detalhadas pelo site https://goo.gl/Vpg5gf ou então pelo 0800-707-9272.

Deixe uma resposta