sexta-feira, fevereiro 23, 2024
CasaEditoriasEstadoFalando sério

Falando sério

Deputados querem debater ampliação de ferrovias

A Frente Parlamentar Pró-Ferrovias Fluminenses, da Assembleia Legislativa do Estado do Rio, se reunirá no início de fevereiro com representantes do Executivo para saber como serão aplicados os recursos de emendas parlamentares impositivas voltadas à ampliação das ferrovias e aprovadas na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2024. O Coordenador da Frente, Luiz Paulo (PSD), destacou que este foi o primeiro ano em que a Casa aprovou uma Lei Orçamentária com emendas impositivas. Serão R$ 190 milhões para atender a projetos dos 70 deputados, sendo elas compatíveis com os planos Plurianual (PPA) e o Plano Estratégico de Desenvolvimento Econômico e Social (Pedes).
Entre as emendas impositivas apresentadas, estão a criação de um programa de trabalho para melhorar a qualidade dos trechos ferroviários; a revitalização do trajeto que liga Barra Mansa a Angra dos Reis; uma ferrovia de carga e turismo; e a retomada da Ferrovia de Miguel Pereira, que poderá ser ampliada em 25 km. “O Rio contará com recursos não grandiosos, mas que são interessantes. Aproveitamos para tratar também da Estação Leopoldina, que é uma ferrovia de passageiros, mas está abandonada. Apresentamos recursos também para essa obra”, pontuou o parlamentar.

Ferrovia Vitória-Rio
Outra prioridade da Frente Parlamentar da Alerj para o ano é a articulação entre os governos Federal e o Estadual para a implementação da Ferrovia Vitória- Rio (EF-118), que está estimada em R$ 6 bilhões, mas já consta no plano de investimentos da União. “Essa é uma ferrovia caríssima, mas que pode ser implementada por etapas. Já garantimos emendas ao PPA e à LOA para esse fim. Vamos pedir uma audiência ao Ministro dos Transportes para falar da importância da prioridade deste projeto para o estado do Rio de Janeiro. Vamos levar uma cópia do orçamento aprovado”, observou Luiz Paulo.

ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp