sexta-feira, fevereiro 23, 2024
CasaEditoriasArtigosEscutar é uma arte

Escutar é uma arte

Para manter excelentes relações no convívio familiar, no ambiente social, no trabalho, na escola, na faculdade, é fundamental saber escutar. Quem não aprendeu a escutar a voz da consciência e não sabe escutar ninguém.
Escutar é uma arte. Não basta ouvir, prestar atenção, o essencial é escutar. A arte da escuta advém da trilogia: “alma” (espiritualidade-acesse), “coração” (afetividade-empatia) e “razão” (intelectualidade-sabedoria). Dentro dessa configuração, a escuta profunda, via a meditação, o silêncio e a conexão do imanente com o transcendente.
O portador da arte da escuta é um indivíduo que fala pouco e o pouco que fala, são verbalizadas palavras da mais alta educação, respeitosas, éticas, motivacionais, elogiosas, de fé e esperança! Quem sabe escutar é vencedor e quem não sabe escutar é derrotado. Em outras palavras, quem guarda o silêncio é vitorioso e quem fala demais é perdedor.
Quem não detém a arte da escuta, não sabe escutar, não sabe conversar, aprendeu tagarelar e suas palavras são armas assassinas. Diz o ditado: “Peixe morre pela boca”. O falador, não morre sozinho, leva muita gente com ele. Sua boca é uma cova aberta!
O tagarela por ser desequilibrado, negativo, tóxico, fuxiqueiro, hipócrita e dissimulado, a sua vida tem a força de atrair ansiedade, depressão, confusão, crise econômica, conflito no ambiente de trabalho, incompatibilidades nos relacionamentos, doenças, derrotas nos projetos, infelicidade e traição.
Nas civilizações dos povos orientais, a sapiencialidade cultural é bastante conhecida: “O sábio fala pouco, o tolo fala demais”. Daí, a arte da escuta pertence ao sábio. A falação estúpida é característica do tolo.
Quem fala demais não é de confiança, jamais guarda segredo, se vende por qualquer preço e é causador das mais escandalosas contendas. Sem medir as palavras, sem sentimentos de culpas, sem pudor, se realiza em ver as tragédias que causam com suas infâmias palavras. A boca, a língua e a palavra do tagarela matam!
Escutar é a arte da alma iluminada, do indivíduo sábio, do comportamento elegante, do relacionamento nobre e da saúde mental. O sábio escuta e transmite uma poderosa energia para o bem-estar em todos os sentidos da vida. Quem possui a arte da escuta, transmite vida, amor, ternura, conhecimento, vitória e a verdade.
Dr. Inácio José do Vale, Psicanalista Clínico, PhD. Trabalha clinicando na Comunidade de Ação Pastoral-CAP – Especialista em Psicologia Clínica pela Faculdade Dom Alberto-RS. Pós-graduado em Psicologia nas Organizações com Habilitação em Docência no Ensino Superior pela Faculdade Educamais de São Paulo-SP. Doutorado em Psicanálise Clínica pela Escola de Psicanálise da Sociedade Brasileira de Psicanálise Contemporânea. Rio de Janeiro-RJ. Cadastrada na Organização das Nações Unidas – (ONU).

ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp