domingo, junho 16, 2024
CasaGERALDescontos na mão

Descontos na mão

Versão on-line do Feirão Serasa Limpa Nome conta com mais de 500 empresas participantes; Resende, Volta Redonda e Barra Mansa somam mais de 200 mil inadimplentes

Até dia 30 de novembro, consumidores inadimplentes do Brasil todo poderão participar da versão on-line do maior Feirão Serasa Limpa Nome já realizado. Mais de 500 empresas de diversos setores, entre bancos, financeiras, comércio varejistas, operadoras de telefonia e securitizadoras, estão oferecendo descontos de até 99%.
O Feirão acontece tanto no site quanto no app da Serasa. Pela primeira vez, será possível negociar também contas básicas, como as de energia elétrica. Isso porque a Serasa firmou parcerias inéditas com a Enel – que atende consumidores de São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará –, com a Light e a BRK, concessionárias do Rio de Janeiro, e com a Neo Energia, de Pernambuco.


Dívidas com cartões de crédito, com contas básicas como água e luz e com financeiras são os segmentos em que os brasileiros têm mais dificuldade de quitar débitos. Em setembro de 2023, mais de 71 milhões de brasileiros estavam endividados. Isso equivale a 43,9% da população adulta, de acordo com dados da edição mais recente do Mapa da Inadimplência e Renegociação de Dívidas da Serasa.
No estado do Rio de Janeiro, também conforme os dados do Serasa, mais de 7,3 milhões de pessoas não conseguiram quitar todas as dívidas no mês passado, o maior índice do país. Em Volta Redonda, o número de inadimplentes passa dos 108 mil. Em Barra Mansa, é um pouco menor. Chegaa68mil.Eem Resende, passa de 50 mil.

APP
O Rio de Janeiro é o lugar que mais usa aplicativos de controle para organizar finanças. O levantamento ‘Finanças Regionais: as diferenças na relação com o dinheiro entre os Estados do Brasil’, realizado pela Serasa em parceria com a Opinion Box, mostra que 17% das pessoas do estado recorrem a softwares desse tipo. Outro destaque é que 53% dos entrevistados do Rio de Janeiro afirmam realizar controle mensal das finanças. Os principais objetivos são evitar o endividamento (46%) e melhorar a gestão do dinheiro (39%).
O estudo também indica que o parcelamento está em alta no Brasil. 7 em cada 10 pessoas parcelam compras no país. Os fatores mais levados em consideração antes de parcelar uma compra são a disponibilidade do dinheiro em conta (27%) e a cobrança de juros (25%).
A utilização de cartão de crédito de terceiros é o método mais popular de parcelamento entre os consumidores do Rio de Janeiro (47%) – apenas 6% utilizam cartão de crédito próprio nesse tipo de operação. Boleto bancário (25%) e crediários específicos de lojas (23%) também são muito procurados para diluir os valores ao longo do tempo.

Otimismo e procura por crédito
Outro dado importante é que metade dos fluminenses está mais otimista em relação às finanças pessoais, em comparação com os últimos anos. O estudo também analisou como os brasileiros se comportam quando o assunto é a busca por crédito. No Rio de Janeiro, 53% dos consumidores afirmam ter procurado limite extra no último ano. Os métodos mais buscados e contratados pelos fluminenses são cartão de crédito (50%) e empréstimo pessoal (47%).

Sobre a Serasa
Com o propósito de revolucionar o acesso ao crédito no Brasil, a Serasa oferece um ecossistema completo voltado para a melhoria da saúde financeira da população por meio de produtos e serviços digitais.

ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp