quarta-feira, maio 29, 2024
CasaEditoriasArtigosCarta ao prefeito

Carta ao prefeito

Sabemos que o nosso país passa por muitas transformações, sejam elas na economia, na cultura, na sociedade e na política. Acredito que seja muito natural isso e é extremamente importante. A alternância de comando no Poder Público é o melhor caminho dentro da democracia. Como temos a liberdade de cobrar, dentro dos limites do civismo e na sequência desse raciocínio, como filho de Volta Redonda gostaria de alguns esclarecimentos e ações do governo municipal sobre alguns pontos:
– O que custa arrumar o ponto de ônibus em frente ao Shopping Park Sul sentido Casa de Pedra? É um absurdo deixar as pessoas espremidas em dias de chuva num ponto onde o piso é de terra batida. Onde fica a qualidade de vida que tanto se fala? Além disso ainda enfrentar o péssimo serviço de transporte público, ninguém merece.
– A prefeitura cantou em prosa que trocou a iluminação da cidade para lâmpadas Led no intuito de economizar em energia elétrica. Excelente iniciativa. Porém não houve avaliação da luminosidade das mesmas. Como exemplo, no trecho entre a rotatória do cemitério Portal da Saudade até entrada do bairro Jardim Belvedere o raio de luz só alcança até a metade da estrada, deixando a calçada que fica no sentido Casa de Pedra – São Geraldo às escuras. Moro em frente a um poste que só ilumina a metade da rua e minha calçada não chega luz. Por outro lado, o trevo em frente ao Clube Comercial (sobre o mergulhão) é muito bem iluminado (parece até que a noite vira dia). Muito estranho….
– Onde está o poder público municipal que abandonou o Jardim dos Inocentes na Vila Santa Cecília? Outrora um dos locais mais bonitos desta nossa cidade, hoje com calçadas esburacadas, jardim sem manutenção, iluminação deficiente etc… ,istoé ABANDONADO.
– Estamos chegando ao período de chuvas fortes e nenhum movimento foi tomado para solução dos alagamentos na ponte próxima ao posto de combustível da Rua 4, na Avenida Independência ao lado do Colégio Manuel Marinho (ou outro nome) bem como na ponte que atravessa a Rua 33 entre as Ruas 18- A e 18-B. Tem também o trecho no bairro Conforto na altura do ponto de ônibus que fica embaixo da passarela para entrada na CSN, onde forma um verdadeiro ‘mar de lama’. Ocorre também alagamento na entrada do condomínio próximo da rotatória do cemitério Portal da Saudade.
– Porque não foi concluído o asfaltamento do trecho entre o Spani e o mergulhão do Clube Comercial? Até um grande cartaz naquele trevo já foi colocado… Mas o serviço mesmo… hum… Nadica de nada.
– Sou frequentador assíduo dos jogos do Voltaço no Estádio Raulino de Oliveira e a cada dia vejo aquela imponente obra totalmente largada. Só de passar pela calçada ao redor do estádio vemos o total abandono e sujeira. Será que nossa prefeitura não tem sabão, vassoura e máquina de lavagem de alta pressão que não possa lavar esses locais? Nas entradas é necessária a manutenção das abóbadas que cobrem estes locais. Já passou da hora de trocá-las.
– Não sou técnico em engenharia de trânsito, mas vejo com muita preocupação o trânsito em mão-dupla na rua principal do Bairro São Geraldo. Algo grave pode acontecer neste local (acidente, atropelamento etc). Muitos ônibus, caminhões e veículos transitam ali numa rua extremamente estreita para o alto volume de tráfego e comércio crescente. Outro dia, por volta de 18 horas, estava no ônibus naquele local e presenciei o sufoco de uma ambulância com sirene ligada passar por ali no sentido Rodovia dos Metalúrgicos. Foi um desespero do motorista do ônibus que não tinha como ceder espaço pois ambos sentidos muitos carros, caminhões enormes e outros coletivos parados em razão do sinal de trânsito. Torço que o paciente tenha sido atendido e tudo resolvido. Tenho como sugestão deixar essa via mão única no sentido Amaral Peixoto x Rodovia dos Metalúrgicos. Com essa alteração, seriam eliminados dois sinais de trânsito no encontro da Rua Benedito Lopes Bragança com Avenida Amaral Peixoto. Para aqueles que vêm da Rodovia dos Metalúrgicos para Amaral Peixoto teriam acesso pela rua ao lado do terreno da Light.
E até numa segunda etapa, a pequena rua que tem embaixo do viaduto Heitor Leite Franco teria sua mão invertida e com acesso à Avenida Getúlio Vargas, deslocando o ponto de ônibus um pouco.
– Onde está o asseio e conservação nas travessias de pedestres entre Aterrado e Amaral Peixoto? Ambas necessitam urgentemente de uma limpeza mínima para o cidadão utilizá-las. Passo diariamente nas duas e vejo, além de muitos resíduos sólidos espalhados (ponta de cigarro, camisinha, embalagens plásticas, fezes, absorventes, vômitos) aquela sujeira que somente água + vassoura + sabão + boa vontade podem ser resolvidas. Além disso, falta manutenção estrutural na passarela (confesso que não sei o nome) só de pedestres (inúmeros pontos de ferrugem, goteiras na cobertura e um pouco de cuidado nas plantas que ficam nas extremidades). Merecemos respeito!
Como pago o IPTU religiosamente em dia, compreendo que tenho direito de cobrar de nosso prefeito esses problemas que vejo na cidade (nem cobro melhoria no bairro que moro que nunca vi – ruas esburacadas, constantes entupimento de esgoto, coleta de lixo reciclável inexistente, varrição de rua só em alguns pontos). Compreendo perfeitamente que inúmeras outras necessidades existem na cidade porém são estas que lembro e que estão no meu campo de visão. Com a palavra, o Sr Prefeito!

Ernani da Cunha Ferreira –
[email protected]

ARTIGOS RELACIONADOS

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp