Bate bola – Sergio Luiz

Mais uma foto do Brasília F.C. do bairro Nª. Sª. das Graças, tirada em 1963. Pertence ao acervo do Aílton.

esporte

Em pé da esquerda para a direita: João Padeiro, Caveirinha, Amigo, Guinho, Zé Nilton e Helder. Agachados: Vinícius, Tião,  João Capeta, Zequinha e Nelson. 

 

Tá chegando a hora 

Faltando apenas 15 dias para a estreia na série C do Brasileirão de 2017, contra o Macaé, no Raulino, o Voltaço tem intensificado seus treinamentos. No sábado, 22, por exemplo, disputou um amistoso contra o Serramacaense e venceu por 1 a 0, gol do meia Higor Leite, de pênalti. Hoje, sábado, 29, treina com o América-RJ, às 15 horas, também no Raulino.

 

Aos poucos, o técnico Felipe Surian vai dando forma à equipe, escolhendo aqueles jogadores que melhor se enquadram no seu sistema tático. Porém, além do curto espaço que falta, as contusões atrapalham a preparação. Assim é que Surian não poderá contar com o goleiro Douglas, que sofreu uma contusão mo ombro e será operado, devendo ficar afastado por quatro meses. Bem que a diretoria tentou contratar o goleiro Rafael, ma chegou tarde e este acertou com o Bahia.

 

Amanhã, domingo, 30, o time segue para Ubá (MG), onde ficará treinando durante a semana no Centro Esportivo Ubaense, tendo marcado um amistoso contra a equipe do Aymorés de Ubá. E poderá, enquanto busca novos reforços, utilizar os já contratados Daniel, Michel Benhami, Dija Baiano e Felipe Augusto.

 

Para um torneio de um peso como é a série C, acho que ainda falta muito coisa para que o Voltaço possa fazer um bonito papel na competição. Quem viver verá!

 

Cassado

O inferno astral de Neto continua. Depois de ter suas contas rejeitadas pelos vereadores, o que o tornou inelegível por oito anos, o Conselho Deliberativo do Voltaço, em sessão tumultuada, realizada na terça, 25, cassou o mandato do ex-prefeito do cargo de Presidente de Honra do Volta Redonda, transferindo o título para o ex-presidente Rogério Loureiro. Uma manobra ridícula e desnecessária, tomada pela maioria dos conselheiros, funcionários do clube ou ligados às empresas de Loureiro.

Os dois merecem a condecoração, assim como todos aqueles que trabalharam para o Voltaço chegar aonde chegou. Todos eles, indiferente de qual fez mais ou menos, dedicaram parte de suas vidas para que o Voltaço sobrevivesse. Pura vaidade. Sacanagem das grandes!

 

Aprovadas

Na mesma reunião, os conselheiros aprovaram as contas da atual diretoria referentes ao ano de 2016. A reunião foi marcada por acaloradas discussões entre conselheiros e torcedores insatisfeitos com a forma ditatorial como Wilton Arbex comandou os trabalhos. Aliás, não foi a primeira. Há quem garanta, por exemplo, que as reuniões do Conselho Deliberativo estão repletas de irregularidades. A começar pela liberação da entrada a quem não é conselheiro; e de conselheiros que deveriam ter sidos cassados por terem faltado a três reuniões consecutivas, e não foram. Tem mais mazelas por aí.  

 

Macaé

O jogo de estreia do Voltaço contra o Macaé foi antecipado para o dia 13 de maio, sábado, às 18h30min, no Raulino. Mas pode não acontecer. É que o time da região dos Lagos ameaça não disputar a competição por falta de grana. A previsão de gastos dos dirigentes é de R$ 350 mil mensais e eles dizem que não contam com o apoio da prefeitura local. Aí fica difícil!

 

Master    

Asa Negra e Centenário decidem hoje, sábado, 29, às 9h30min, no campo do bairro Santa Agostinho, o título do campeonato amador de futebol Master 60. Na preliminar, Galera e FEA (Futebol Entre Amigos) decidirão o terceiro lugar. Vale a pena conferir!

 

História

Meu amigo Edinho Silva, ex-becão do Voltaço, hoje radialista, lá pela década de 80 comandava o Tribunal Esportivo da Rádio Sul Fluminense. Tinha sempre à mão uma lista de ouvintes para mandar abraços. Eram sempre os mesmos. Como não a revisava, às vezes caía do cavalo, como aconteceu em um dos programas. “Quero abraçar o seu João do Churrasquinho, que fica lá na esquina do Sendas, na Vila. Abração, seu João”, disse com aquele vozeirão que Deus lhe deu. Imediatamente, o ouvinte Otávio Maciel ligou para a rádio e pediu: “Fala pro Edinho que o seu João morreu há um mês”. É claro que Edinho não perdeu a viagem e devolveu: “Seu João, onde estiver receba o nosso abraço”. Safo o becão, né?  É mole?

 

Barra Mansa

Alguns reforços do Leão já estão morando na concentração do clube. É o caso do lateral Matheus (ex-Vitória da Conquista); do meia Jonathan, que estava no futebol catarinense; e, do goleiro Kekei, vindo do futebol paulista. Quanto à liberação da Toca do Leão, a diretoria pediu ajuda à prefeitura para que possa fazer a limpeza, capina e pintura do estádio para que o mesmo possa ser aprovado e utilizado no jogo de estreia, marcado para o dia 14 de maio, contra o Audax. Na segunda, 1º de maio, haverá uma fiscalização da Polícia Militar na Colônia.

 

Bola fora

Para o volante Felipe Mello, do Palmeiras, que provocou uma briga violenta entre os jogadores e torcedores ao final do jogo de quarta, 27, contra o Peñarol, em Montevidéu. O jogador voltarredondense não toma jeito mesmo. É craque nos pés, mas tem um cérebro… Lamentável!

 

Bola dentro

Para a final do carioca entre Fla e Flu, que esperamos que seja sensacional. Tá valendo

Deixe uma resposta