segunda-feira, junho 17, 2024
CasaEditoriasEsporteBate-Bola Sergio Luiz

Bate-Bola Sergio Luiz

Este é o time do Quero Mais E.C, da Vila Brasília, da turma do Bloco Carnavalesco Quero Mais. Pertence ao acervo do Marquinho, diretor, e foi tirada em 1980.

Em pé, da esquerda para a direita: Peu (diretor), Zé Botafogo, Zé Soares, Paulinho Bicudo, Pedro, Dudu e Marquinho (diretor). Agachados: Carlinhos, Zé Luis, Beto, Cleber, Aguinaldo e Nina (massagista).

A história se repete 

O Voltaço, quando todos achavam que ia bem, voltou a decepcionar e perdeu, em casa, para o Botafogo-PB, por 3 a 1. Os 583 torcedores que foram ao Raulino, crentes em uma vitória do tricolor de aço, saíram cuspindo marimbondos. Afinal, o time de Rogério Corrêa vinha embalado e com moral depois de duas vitórias consecutivas. Uma, contra o Remo-PA, fora de casa, por 2 a 1, e outra em casa, sobre o Floresta-CE, por 2 a 1. A expectativa era maior até a desconfiança pelo histórico do Volta Redonda, que, quando menos se espera, entrega o ouro em seus domínios.
E não deu outra. Na minha opinião, o adiamento da partida com o São José-RS, devido às enchentes no Sul, poderia atrapalhar a sequência vitoriosa. Por outro lado, o time teria condições de se preparar mais ainda para derrotar o Botafogo-PB. Cheguei a elogiar a performance da equipe, mas logo veio a decepção, que foi geral. Esses três pontos podem fazer falta no final.
Foi um tropeço? Sim. Pode recuperar? Sim. Até porque ainda temos muitos jogos pela frente. Só não pode, de maneira nenhuma, voltar a perder jogos em casa. É inadmissível, inaceitável qualquer resultado que não seja a vitória, se quiser pensar em subir para a série B. E ainda, se possível, arrancar alguns pontinhos fora de casa. Mas tem que jogar futebol e manter uma regularidade, que faça com que o torcedor possa confiar no time. Agora o adversário será o Náutico-PE, hoje, sábado, 18, às 17 horas, no Raulino de Oliveira. Ele ocupa a 11a colocação, com 4 pontos, com uma vitória e um empate. Não pense que haverá moleza. Delivery novamente, nem pensar. Quem viver verá!

Tabela
Aqui estão os jogos do Voltaço até a 12a rodada: dia 26, sábado, às 19 horas, enfrenta o Londrina fora de casa. Dia 2/6, às 19 horas, encara o CSA-AL no Raulino e no dia 9/6, pega o Atlhetic-MG fora de casa. Dia 15/6, encara o ABC em Natal. Dia 22/6, pega o Caxias-RS no Raulino. Dia 29/6, pela 11a rodada, joga com o Sampaio Corrêa, no Raulino e em seguida vai ao Ceará pegar o Ferroviário no dia 6 de julho.

Classificação
Na série C, em 1o está o Atlhetic-MG, com 12 pontos; em 2o, o Botafogo-PB, com 9; em 3o, o Tombense, com 9; em 4o, o São Bernardo; em 5o, a Ferroviária-SP, ambos com 8 pontos. Em 6o, temos o Figueirense, com 7; em 7o, o Ypiranga e em 8o, o Volta Redonda (com um jogo a menos), os dois com 6 pontos. Em 9o, Aparecidense, e em 10o, o Londrina, ambos com 5 pontos. Em 11o, o Náutico com 4 pontos.

História
No interior de Minas, num jogo à noite, duas equipes decidiam o campeonato local. Casa cheia, jogo duro. Só que, aos 44 minutos do segundo tempo, quando o placar ainda era 0 a 0, Deco Tijolão, cracaço, arrancou do meio- campo e foi driblando todo mundo. Ao entrar na área, quando ia chutar a gol, as luzes se apagaram. Expectativa no estádio. Quando a luz voltou, o juiz estava no meio de campo, dando o gol. Revoltados, os visitantes partiram para cima do árbitro: “Como o senhor pode dar o gol, se a luz apagou e ninguém viu a bola entrar? Tá maluco?”. Na maior cara de pau, o juiz
explicou: “Pelo que eu conheço do Deco Tijolão, dali ele não perde”. É mole? (extraído do meu livro Varandão da Saudade I).

Homenagem
O atacante Caio Canedo, ex-Volta Redonda, Inter e Botafogo, atingiu a marca de 200 jogos com a camisa do Al Wasl, dos Emirados Árabes. O número foi alcançado na derrota para o Al-Wahda, por 4 a 1, na segunda- feira. Caio está próximo de conquistar o primeiro título com a camisa do Al Wasl. A equipe lidera a UAE Pro League, principal liga dos Emirados Árabes, com 6 pontos de diferença, restando três rodadas. Para quem não sabe, Caio é vascaíno roxo e tem o sonho de um dia ainda vestir a camisa do gigante.

Amador 2024
Terá início hoje, sábado, 18, o Campeonato Amador de 2024, promovido pela LDVR- Liga de Desportos de Volta Redonda. A primeira rodada apresenta os seguintes jogos: Inter Califórnia x Corinthians, na Califórnia; Santos x Santa Cruz, na Água Limpa; e Galera x Amigos do Retiro, no Siderlândia. Todos às 15 horas.

Iluminação
O Estádio Raulino de Oliveira vai receber iluminação com tecnologia de LED em todos setores: refletores do gramado, arquibancadas cobertas e descobertas. O valor da reforma será de R$ 1.298.120,00. Apesar de o Raulino sempre ter tido uma boa iluminação, a reforma vem a calhar, pois estava ficando ultrapassada e fraca.

Seminário
Está marcada para o dia 15 de junho, das 14 às 17 horas, a realização do Io Seminário Sobre Clubes Locais, Oportunidades e Estratégias para o Volta Redonda F.C. Serão abordados temas como: A relação Cidade x Clube, Como Aumentar a Identidade, Estratégias de Curto e Longo Prazo. Inscrições gratuitas, com organização a cargo do professor Gil Bracarense.

Bola fora I
Para a derrota do Voltaço para o Botafogo-PB, por 3 a 1, em pleno Raulino de Oliveira. Por mais que o técnico Rogério Corrêa tente justificá-la, não convenceu. É igual a batom na cueca, não tem explicação.

Bola fora II
Para os técnicos tipo Fernando Diniz, Abel Ferreira, Renato Gaúcho, Mano Menezes e outros, que passam dos limites, reclamando das arbitragens. Abusam da fragilidade dos árbitros da atualidade, querendo ganhar no apito. São constantemente amarelados ou expulsos, passando um péssimo exemplo de descontrole para seus jogadores, que se acham no direito de pressionar também. A justiça desportiva tem que puni-los com mais rigor. Era só orientar os árbitros a não conversar fiado e expulsar os ‘mandões’ no primeiro grito.

Bola dentro
Para a difícil decisão tomada pela incompetente CBF de adiar as rodadas 7a e 8a do Campeonato Brasileiro. Os clubes gaúchos, sem poder treinar e jogar, seriam prejudicados se isso não acontecesse. Menos mal. Sem contar que não é hora de gritar gol, é hora de ajudar o povo gaúcho.

ARTIGOS RELACIONADOS

Bate-Bola Sergio Luiz

Bate-Bola Sergio Luiz

Bate-Bola Sergio Luiz

LEIA MAIS

Seja bem vindo!
Enviar via WhatsApp