Garmpos Barra Mansa

 

Quase – Um dos principais prédios de Barra Mansa, o Palácio Barão de Guapy, está quase pronto para ser reinaugurado. As obras buscam preservar as características arquitetônicas originais e incluem a recuperação da fachada e do piso térreo. O imóvel vai ganhar uma nova pintura, nova rede elétrica, será climatizado e terá uma área de lazer. Uma das novidades da reforma é a criação de um espaço aberto, anexo ao prédio, que será futuramente utilizado para a realização de pequenos eventos, como peças de teatro e apresentações musicais. “Em algum momento na história, os canteiros foram construídos colados ao prédio para afastar as pessoas. Agora, isso mudou. A ideia é que as pessoas se aproximem, tomem posse do lugar, porque ele pertence à população. Nos preocupamos com a acessibilidade no entorno e instalamos pisos táteis e de alto contraste para dar locomoção para pessoas cegas e de baixa visão. O objetivo é o encontro do prédio histórico com a praça no século 21”, explicou o presidente da Fundação Cultura Barra Mansa, Marcelo Bravo.

Melhorias – O presidente da Câmara de Barra Mansa, Luiz Furlani, e o vereador Deco estiveram na manhã de segunda, 12, no Hospital Regional de Volta Redonda para checar as reclamações dos moradores sobre a falta de informação das pessoas – familiares – internadas na unidade. De acordo com Furlani, eles foram recebidos pelo diretor do hospital, Caio Mário Villela de Carvalho Júnior, que prometeu melhorar a comunicação dos familiares com os pacientes internados. Que assim seja!


Turismo – Apostando na vacinação contra a Covid-19, o CitVale (instância de governança regional do turismo no Vale do Café) promoveu na segunda, 12, uma reunião virtual com representantes do setor de turismo de 15 municípios, entre eles Volta Redonda e Barra Mansa, para debater a retomada das atividades turísticas na região. De acordo com a presidente do CitVale, Bhela Santos, apesar da pandemia, as discussões sobre as atividades do setor precisam ser retomadas. “Nosso intuito é estruturar e fortalecer cada vez mais a área do turismo como fonte geradora de emprego e de fomento à economia. Com a crise provocada pelo Coronavírus, também se faz necessária a prioridade de ações conjuntas que possibilitem, em breve, o retorno das atividades de maneira segura”, destacou.

Fica pra depois – A prefeitura de Barra Mansa decidiu adiar até segunda, 19, o retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino. A decisão, que agradou a alguns e desagradou a um grupo de professores, foi tomada por dois motivos: uma nova avaliação do cenário do município frente aos casos de Covid-19; e, não reconhecida, a ameaça de uma greve por parte dos professores.

Esclarecendo (I) – Em entrevista recente ao Programa Dário de Paula, o prefeito Rodrigo Drable soltou o verbo. Ao ser questionado pelo apresentador por que não faz suas lives em horário diferente das lives do prefeito Neto, ele foi curto e grosso. Disse que seu público-alvo eram apenas os barra-mansenses. O que ele não esperava é que seria repreendido por Dário, que afirmou que ele, Drable, não falava só para Barra Mansa, e sim para toda a região, e que as coisas tinham que ser feitas do mesmo jeito entre as cidades. “Eu tenho defendido isso desde o mandato passado. Infelizmente, Volta Redonda enfrentou um período em que o ex-prefeito que comandou ou que desgovernou a cidade, não entendia! Parecia que a gente estava fazendo uma competição entre as cidades. Não é isso! Eu quero cuidar da minha cidade e quero servir às cidades vizinhas da melhor maneira possível no entendimento dos prefeitos, se for possível”, desabafou Rodrigo, referindo-se ao ex-prefeito Samuca Silva, com quem quase saiu no tapa em algumas oportunidades.

Esclarecendo (II) – Segundo Drable, ao contrário do que muitos pensam, Volta Redonda, Barra Mansa e Resende não estão em uma competição. “Eu não estou concorrendo com ninguém. Eu não quero saber quem está na frente (na vacinação contra a Covid). Eu quero cuidar do meu povo aqui da melhor maneira possível e, se for possível servir também aos vizinhos”, acrescentou.

Invasão – A secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Barra Mansa anda de olho nas ocupações irregulares que andam acontecendo em uma das unidades de conservação ambiental do município. Uma delas, que não é de domínio público, mas faz parte é a APA Cândido Silva, onde foi constatado na Rua Amélia Furtado do Vale, a execução de terraplanagem e corte de árvores sem as autorizações ambientais necessárias. O responsável pelos serviços foi levado à 90ª DP para registro de ocorrência.


OTB – A Ordem dos Trabalhadores do Brasil (OTB) já está funcionando em Barra Mansa e tem como representante da entidade o contador Rafael Soares. A entidade, criada em 2015, possui várias filiais e busca promover o debate, o fortalecimento da classe trabalhadora, das relações de trabalho, e o desenvolvimento econômico e social.
De acordo com Rafael, a OTB oferece diversas vantagens para os seus filiados. “Os trabalhadores vão contar com inúmeros tipos de auxílios, tais como auxílio odontológico, funeral, mecânicos, auxilio residência entre outros”, afirmou, lembrando que os empresários “terão disponibilidade de possuir adiantamentos salariais sem custo adicional, e poderão ter uma máquina de cartão com condições especiais, com juros abaixo do mercado e parcelamento em até 18 vezes”.
A Ordem, segundo ele, é uma instituição apartidária, autônoma e conta com parcerias de empresas para manter-se no mercado.

Deixe uma resposta